Volante Fernando, que também já jogou como meia, pode estrear com a camisa alvinegra e promete dar o máximo em campo

Experiência na série A ele já tem – disputou a competição pelo Palmeiras – e vontade para fazer bonito em campo também não. Recém-chegado ao elenco pontepretano, o volante Fernando está pronto para entrar em campo contra o Flamengo na noite desta quarta, caso o treinador Guto Ferreira opte por ele, e promete muita dedicação para ajudar a Macaca a trazer três pontos da cidade de Juiz de Fora.

 
“Estou muito agradecido à Ponte Preta, que abriu as portas pra mim e me recebeu de braços abertos, e se eu entrar, se eu jogar, vou dar o meu máximo como fazia no meu clube anterior e ajudar o grupo a sair vitorioso hoje”, diz o jogador, que antes de chegar à Macaca fez um belo Campeonato Paulista pela Penapolense e já atuou também pelo Boa Esporte, após ter passado cinco anos no Palmeiras.
 
Polivalente, Fernando conta que pode atuar em posições diferentes caso o técnico avalie necessário. “Eu jogo tanto de primeiro quanto de segundo volante, fiz isso nesse Campeonato Paulista. Também já joguei como meia sob o comando do (técnico) Felipão. Minha característica é marcar e tenho um bom chute, então tento aproveitar isso o máximo. Quando dá eu vou e tento finalizar e dar assistência também”, pontua.
 
Quando atuou contra a Ponte no último jogo da final do Interior, depois de dar muito trabalho ao elenco alvinegro e receber elogios da imprensa que retransmitia o jogo, Fernando foi expulso – o que acabou gerando algumas maledicências localizadas, que ele faz questão de desmentir.
 
“Teve um boato que eu fui expulso porque sabia que viria para cá, uma bobagem. Eu só fiquei sabendo da possibilidade dois dias depois. Visto a camisa do time em que estou com todas as minhas forças, por isso fui bem no Penapolense. E agora é muito bom estar aqui, muito gratificante poder jogar a Séria A por um time como a Ponte Preta.Se Deus quiser vai dar tudo certo”, diz.
 
Curiosamente, durante a apresentação à imprensa ontem, Fernando foi questionado sobre algo que pouco tem a ver com futebol: os cabelos longos que usa. “Já me perguntaram por que eu não usava faixa, mas o cabelo não me atrapalha. Perguntaram se eu não ia cortar, mas não vou cortar não.”

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS