Volante Alef se destaca e credita bom futebol aos treinamentos

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/GuilhermeDorigatti

 

Vindo das categorias de base da Ponte Preta, o volante Alef conquistou a confiança do técnico Jorginho e atuou no time titular na última quarta-feira, diante do Corinthians. O jovem atleta foi um dos destaques da vitória da equipe por 2 a 0 diante do rival da capital e atribui o bom futebol demonstrado ao empenho no trabalho. “Venho trabalhando para isso: Para o trabalho ser reconhecido. Tive a oportunidade de entrar e ajudar a equipe”, diz Alef, que revela ter realizado um sonho.

 

“Eu sonhava poder defendera Ponte contra o Corinthians. Disse para os amigos que antes sempre jogava contra o Alexandre Pato no time do videogame e foi muito bom poder enfrentá-lo na vida real. Graças a Deus consegui e fico ainda mais feliz de o time ter saído com a vitória”, comemora o jogador de 18 anos.

 

Ele fala um pouco sobre a sensação que sentiu após o apito final. “A emoção é sem igual. Ser reconhecido, todos darem os parabéns, falarem que fiz uma boa partida…agora é continuar nesse ritmo de trabalho”, afirma o garoto, que também faz questão de agradecer a chance dada pelo técnico Jorginho.

 

“O que nós fazemos nos treinos, fazemos nos jogos. Estava bem nos treinamentos, graças a Deus, o professor Jorginho me deu essa oportunidade ao me por para jogar. Espero dar sequência”, diz.

 

Apesar do bom jogo diante do Corinthians, Alef enfatiza da importância em continuar conquistando pontos nas próximas partidas.  “Sabemos que o Campeonato Brasileiro é difícil. É manter o que fizemos na última rodada, dar continuidade no trabalho para sairmos com os três pontos diante do Atlético Paranaense e fazer uma boa campanha para deixarmos a zona de rebaixamento”.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS