Vadão analisa partida que deixou Macaca na quarta posição geral do Paulista e já pensa no Bragantino

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/VictorHafner

A equipe da Ponte venceu o Oeste por 2 a 1 na noite de sábado (01). Para o treinador Vadão, a atuação do time foi bem diferente nos dois tempos do jogo, e mudou completamente após as expulsões de César e Silvinho.  “No primeiro tempo tiveram momentos de equilíbrio, mas no geral eles foram melhores com ataque, prendendo bem a bola e chegando de trás. Na segunda etapa a Ponte foi um time diferente, assumimos o controle do jogo e ficamos muito bem posicionados com grandes chances. Depois das expulsões, o panorama mudou, tivemos que mexer na equipe e ficamos praticamente só atrás nos defendendo”, diz Vadão.

 

O comandante da Macaca comenta sobre a posição do time na tabela e já pensa no próximo compromisso alvinegro na quarta-feira (05). “Fizemos três pontos em um momento importante já que faltam dois jogos fora e dois jogos em casa. Para o momento do campeonato, estarmos com três pontos de vantagem para o São Bernardo, que briga diretamente pela classificação, é muito bom. O pensamento agora tem que estar no próximo jogo em Bragança. O Bragantino é uma equipe que está no mesmo nível que a gente e temos condições de vencer fora de casa”, afirma Vadão.

 

Já pensando no Bragantino, Vadão garante que não pretende fazer grandes mudanças no jeito de jogar pontepretano. “O Bruno Silva treinou normalmente essa semana e volta a estar à disposição. Por outro lado, perdemos o César e o Silvinho, mas não temos muito o que inventar. Vamos manter o sistema de jogo e substituir um zagueiro por um zagueiro, e um atacante por outro atacante”, finaliza.

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS