Após voltar a vencer, Vadão destaca: time retomou o espírito que faltou nos dois jogos anteriores

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/DJotaCarvalho

A Ponte Preta derrotou o Linense por 1 a 0 nesta quarta-feira (19) e voltou a somar três pontos no Campeonato Paulista após duas derrotas consecutivas. Com isso, reassumiu temporariamente o segundo lugar do grupo – os últimos jogos da rodada serão realizados nesta quinta.  Para o treinador Vadão, o espírito dos jogadores voltou ao que era antes. “O time esteve muito ligado e aguerrido, com o espírito que faltou nos últimos dois jogos que perdemos. Tínhamos o placar a nosso favor e eles pressionaram bastante, mas isso é comum no futebol, quem está perdendo vai com tudo para cima”, diz Vadão, complementando: “Precisamos melhorar taticamente para evitar essas pressões tão grandes.”

 

O comandante da Macaca revela que a pontuação atual da equipe está dentro do que foi planejado pela comissão técnica. “Nós, juntamente com o nosso estatístico Laércio Venditte,  programamos as metas para as partidas, dividindo o campeonato de três em três jogos. O ideal seria a cada três jogos fazer cinco pontos. Hoje temos nove jogos e quinze pontos, então estamos dentro do estabelecido. Como o nosso cálculo é de 25 pontos para nos classificar, precisamos de mais 10 pontos nas últimas seis partidas”, conta Vadão.

 

O foco agora é no jogo de sábado, contra o Penapolense, mas o treinador já comemora a semana cheia para treinamentos que terá após a próxima partida do final de semana. “O treino é fundamental. Finalmente vamos ter tempo para treinar e impor alguma coisa. Esperamos que a assimilação seja rápida porque o treinamento é mecanismo de repetição. Até agora a única repetição que tivemos foi de jogar e descansar, jogar e descansar. Com um tempo maior vamos tentar aplicar alguma coisa diferente”, finaliza Vadão.

 

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS