Campeão catarinense em 2013, Vadão volta a comandar a Ponte Preta e já assume contra o Corinthians; apresentação será neste sábado

Campeão catarinense em 2013 com o Criciúma, o técnico Oswaldo Fumeiro Alvarez, o Vadão, está de volta ao comando da Ponte Preta.  O treinador, que já comandará o time contra o Corinthians neste domingo, assinou contrato com a equipe até o final do campeonato Paulista de 2015 e será apresentado oficialmente à imprensa após o treino de sábado (1º), marcado para às 10 horas no Majestoso.

“Conheço muito bem a Ponte, é minha quarta passagem por aqui, e é uma satisfação muito grande, até porque assinamos um compromisso mais longo que nos dará tempo para ajustar a equipe e fazer grandes competições”, afirma. O treinador, que em sua passagem de 2005 deixou a Macaca no primeiro lugar do Brasileirão da série A quando saiu para comandar equipe do Japão (onde foi campeão da Supercopa com o Tokyo Verdy), dá um recado à torcida.

“A Ponte de maneira alguma merece este início ruim no Paulista e é claro que vamos analisar a equipe atual e tudo será feito de maneira a conseguirmos uma reação no torneio o mais rápido possível. Peço ao torcedor que apóie o time e tenha confiança”, diz.

Conhecido como um estudioso, Oswaldo Alvarez atua há mais de 20 anos como treinador – na ponte, comandou o time em 2001-2002, 2005 e 2006. O técnico procurou sempre preservar a característica e a qualidade técnica do futebol brasileiro, com esquemas táticos ousados, que priorizam a ofensividade. Seu primeiro trabalho como técnico se tornou um dos marcos de sua carreira. Em 1992, inovou a forma de jogar o 3-5-2, quando criou o inesquecível Carrossel Caipira, em Mogi Mirim. Vadão também revelou para o futebol talentos como Kaká e Rivaldo, eleitos melhores do mundo, Jadson e Rhodolfo.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS