Ponte treina no CT do Inter, em POA, e atacante Clayson quer repetir contra o Grêmio o desempenho de alto nível que teve na vitória em BH

 

Fotos:PontePress/RodrigoCeregatti

Em um sábado com mínima de 7º e máxima de 14º C, o elenco pontepretano não quer saber de frio e faz nesta tarde, no CT do Inter em Porto Alegre, o último treino antes de enfrentar o Grêmio, em partida prevista para as 16 horas deste domingo (4). Após jogar uma partida em alto nível na última quinta-feira, na vitória contra o América Mineiro por 2 a 1, o atacante Clayson espera poder mostrar um bom futebol mais uma vez contra o tricolor gaúcho.

“As partidas da série A são todas disputadas em um nível alto e espero dar continuidade do que apresentei no último jogo para esta partida, tendo um bom desempenho e crescendo para conquistar ainda mais espaço a cada dia”, pontua o jogador, que entre outros destaques no confronto em Minas deu assistência para o primeiro gol, de Felipe Azevedo, e ainda marcou o segundo da Macaca.

Em relação a críticas que vinha recebendo, até mesmo por até aquele momento não ter balançado as redes, Clayson reage com humildade. “Fico feliz em poder ajudar a Ponte Preta, que é um grande time e merece muito mais. Entendo a critica e acho que é válida, porque estavam reclamando justamente porque sabiam que eu poderia colaborar mais, como fiz e pretendo fazer de novo. De qualquer forma, fiquei muito feliz por ajudar meus companheiros e o time”, pontua.

No treinamento desta tarde, a temperatura por volta das 16h30 atingiu dez graus, mas com sensação térmica muito menor, até porque o CT do Inter fica ao lado de um rio. Para os atletas, porém, o frio ficou em segundo plano: o pensamento está focado no Grêmio. “No campo a gente nem vai sentir se está frio. Precisamos nos concentrar para conquistar um bom resultado aqui em Porto Alegre”, finaliza Clayson.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS