Torcedômetro mostra número de filiados ao TC10+ e a todos os programas fidelidade dos times que fazem parte do Futebol Melhor; setor Brahma estreia contra o S.Caetano

 

Também a partir da rodada 11, não serão aceitas carteirinhas antigas na entrada e Ponte divulgará público detalhado.
 
Responda rápido: quem tem mais torcedores em seu programa de fidelidade, Ponte Preta ou o Botafogo-RJ? Quais são os clubes que têm mais torcedores filiados e quantos são? Para saber estas e outras respostas em relação aos quinze times que fazem parte do Movimento por um Futebol Melhor (outros sete se somarão à ação em breve), basta dar uma olhada no torcedômetro, disponível no site www.futebolmelhor.com.br . 
 
A ferramenta do site mostra todos os torcedores cadastrados como adimplentes e portanto usuários do sistema de descontos em grandes redes de supermercados em todo o País. Ao todo, são mais de 182 mil filiados.  A Ponte Preta – que, a saber, tem mais que o dobro de associados do que o Botafogo-RJ – aparece no torcedômetro com 5.007 integrantes no TC10+, número que deverá subir ainda nas próximas 24 horas.
“Cadastramos mais 315 TC10+ nesta quinta e a ferramenta leva um prazo para atualizar os números, alguns desta última atualização já foram computados, outros não. Mas, na verdade, temos hoje um pouco mais de seis mil TC10+ ativos. Essa diferença ocorre em relação aos cadastrados porque há centenas de antigos Torcedores Camisa 10 que não atualizaram seus cadastros e, para que sejam inseridos no torcedômetro, precisamos de dados como o número do CPF, que não era exigido antes”, explica Tiago Abrílio, funcionário do Marketing alvinegro que trabalha ligado diretamente ao TC10+.
 
Ele inclusive faz um apelo aos torcedores que não atualizaram cadastros, para que ajam neste sentido o mais rápido possível. “Há torcedores que sequer conseguimos contatar, porque mudaram de telefone e e-mail e não nos informaram. Assim, pedimos a todos que venham atualizar o cadastro e troquem suas carteirinhas, até porque na próxima rodada não estaremos mais recolhendo carteirinhas antigas na catraca e permitindo a entrada: a partir de agora, quem não tiver carteirinha nova não entra”, alerta.
 
Ele ressalta que o período de mudança de programa causou alguns desconfortos ao torcedor, como a necessidade de trocar de carteirinha, por exemplo, mas a transição está chegando ao fim e todos os serviços estão sendo aprimorados. “Em breve, inclusive, teremos um balanço atualizado dos valores arrecadados com esta nova fase do TC10+”, afirma, revelando que os índices de inadimplência média do programa, já calculados, são de 8,4% ao mês.
 
Aliás, como medida para garantir maior compreensão da opinião pública e transparência, a partir do próximo jogo a Ponte Preta irá mudar a forma de divulgação de público e renda. Em vez de divulgar simplesmente o público pagante total, será informado o público de maneira mais detalhada, possibilitando uma melhor visualização por parte de mídia e torcedores.
Setor Brahma TC10+ começa a funcionar contra o São Caetano.
 
A partir do dia 10 de março, na 11ª rodada do Paulista, o Torcedor Camisa 10 + que tem plano básico terá lugar exclusivo, com excelente vista para o campo. O “Setor Brahma TC10+”, que passou por reformas e teve cerca de cinco mil novas cadeiras colocadas graças à parceria com a Brahma, está agora fechado e o acesso é exclusivo ao TC10+.
 
Maior investidora do futebol brasileiro, a Brahma também está possibilitando por meio da parceria com a Ponte a reforma do vestiário profissional da Macaca. Prevista para ser concluída até o final de março, a reforma prevê um espaço personalizado, com armários para cada jogador, imagens de ídolos do passado e climatização. 
 
“A Ponte Preta é um time centenário, com muita história e sempre competitivo. Nosso objetivo é oferecer um vestiário nos mesmos moldes que fizemos no Rio, no qual o jogador tenha um local de trabalho excepcional. Além disso, junto com o clube, estabelecemos a área TC10+ e os que aderirem vão ajudar o time com a mensalidade. Em troca, descontos em cerca de 300 produtos com o Movimento por um Futebol Melhor”, diz Rafael Pulcinelli, gerente de Marketing da Ambev. O Movimento reúne nove empresas (Ambev, Pepsico, Seara, Danone, Unilever, Sky, Burger King, Bradesco e Netshoes) e outras mais podem ser anunciadas ainda neste semestre.
 
O integrante do programa TC10+ tem uma série de vantagens, como entrar em todos os jogos da Macaca no Majestoso pagando apenas a mensalidade, utilizar sua carteirinha como cartão pré-pago de débito, acumular pontos que podem ser trocados por produtos e experiências exclusivas e participar do Movimento por um Futebol Melhor (saiba mais em www.tc10mais.com.br )
 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS