Ponte protocola pedido de efeito suspensivo para pena de Pottker; julgamento deve ocorrer nesta sexta

A Ponte Preta protocolou pedido de efeito suspensivo para a pena aplicada ao jogador Pottker, que foi julgado ontem (13) e recebeu pena de quatro jogos afastado – inicialmente o atleta receberia seis jogos, mas a Macaca conseguiu reduzir a inicial alegando a primariedade do atacante. O pedido de efeito suspensivo deve ser julgado ainda hoje e, caso seja acatado, Potkker poderá atuar no domingo; em caso contrário, ficará ausente nos próximos três jogos pelo Brasileiro – já que cumpriu uma partida automática.

“Ele foi condenado a quatro jogos de suspensão e tem direito a novo julgamento, pois entramos com um recurso. O objetivo do suspensivo é simplesmente solicitar que ele cumpra a pena após o julgamento do recurso final. Isso porque, se o recurso for acatado e ele a sentença não for confirmada, ele terá pago uma pena que deixará de existir. Então a ideia é que a pena passe a valer só a partir do momento em que for confirmada em julgamento final, caso seja esta a decisão, e não agora, quando o caso ainda está em aberto”, explica Giuliano Guerreiro, diretor jurídico da Ponte.

O diretor alvinegro esclarece que os recursos suspensivos são concedidos nos casos em que o Tribunal entende que existe chance do recurso reverter a pena, integralmente ou não. “Então, é como disse: vamos supor que ele cumpra os quatro jogos e seja absolvido no recurso. Neste caso, ele teria cumprido pena a toa e poderia ter atuado em partidas nas quais era necessário”, pontua.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS