Presidente Della Volpe diz que a torcida é uma grande campeã e destaca: temos que superar, mas não vamos nos conformar com isso

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/DJotaCarvalho

Assim como todos os pontepretanos, o presidente Márcio Della Volpe ficou extremamente frustrado com o vice-campeonato na Copa Total Sul Americana. Para ele, no entanto, a boa campanha da Ponte Preta nesta que foi a primeira competição internacional nos 113 anos do time teve como ponto alto a participação da torcida alvinegra. “O time foi vice-campeão, mas a torcida foi campeã. A demonstração de amor que o torcedor deu pelo time nas partidas da Sul Americana, o Majestoso cheio no primeiro jogo internacional contra o Deportivo, a invasão a Mogi, o Macacaembu, a quantidade enorme de pontepretanos nas ruas de Buenos Aires, isso foi fantástico, inesquecível”, diz.

Quanto ao resultado do jogo, Della Volpe também acreditava na vitória que não veio. “É claro que não estamos satisfeitos. No entanto, temos que superar isso, mas não nos conformar com isso. Não devemos admitir essa história de que a Ponte já havia chegado longe demais, como alguns dizem, poderíamos e podemos ir mais longe sempre, é preciso ter consciência qiue a Ponte já está em outro patamar e decisões têm de se tornar parte da rotina do time. E, claro, com novas finais, o título virá.”

Sobre o planejamento para 2014, Della Volpe esclarece que ele será realizado nas próximas duas semanas. “Nosso foco total é para sair da série B, retornar de imediato à elite do futebol brasileiro, e todo o planejamento será focado nisso. Já estamos vendo a situação dos atletas e a partir de agora iniciaremos as conversas com o Jorginho. Queremos que ele fique, mas em virtude da nossa situação financeira para a o ano que vem isso passa por uma redução brusca salarial,  depende disso, e precisamos ver se há disposição dele neste sentido”, finaliza.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS