Elenco treina na manhã desta terça-feira e Silvinho, autor do primeiro gol da Macaca contra o São Paulo, se diz feliz com bom futebol, mas espera que equipe evolua ainda mais

 

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/DJotaCarvalho

A Ponte Preta faz seu último treinamento, antes de enfrentar o Ituano, nesta quarta-feira (12), no Moisés Lucarelli. O jogo é válido pela 1ªRodada do Campeonato Paulista, já que havia sido adiado no início da competição. E um atleta – que nem participaria do confronto caso ele tivesse ocorrido na data certa – é um dos mais animados para a partida: Silvinho, atacante que fez o seu primeiro gol com a camisa da Ponte no último domingo (09), diante do ex-clube dele, o São Paulo.

“Na hora certa veio o gol. Não tinha hora melhor para vir. Acho que era para ser meu esse gol em um jogo que consegui atuar os 90 minutos. Estou com o preparo físico bem melhor, fui feliz no lance e graças a Deus o gol saiu”, diz o jogador, que respeita seu clube anterior, mas se diz muito satisfeito com o momento atual.

“A respeito do jogo, eu estava tranquilo desde a concentração, não tinha mágoa nenhuma do São Paulo e não ia entrar com sentimento nenhum de vingança. Agradeço por ter vestido aquela camisa e só estou na Ponte por causa disso. Mas estou muito feliz de as oportunidades estarem surgindo na Ponte Preta e aqui as coisas estão acontecendo”, afirma o jogador.

Para Silvinho, essa sequência de bons resultados tem trazido confiança ao time, mas isso não apaga os erros que a equipe comete e o quanto ainda é necessário melhorar. “Tivemos três jogos bastante complicados, onde muitos duvidavam das vitórias e elas vieram. Tudo mudou. Nosso time está bem tranquilo, focado, consciente que temos que melhorar bastante. O professor Vadão falou que se quisermos almejar algo maior temos que melhorar. Estamos tranquilos e só temos que trabalhar e não deixar que nada nos afete dentro de campo”, avalia.

O jogador ressalta o trabalho do técnico Vadão para estruturar a equipe da melhor forma possível. “Ele tem pouco tempo para trabalhar. Se duvidar, quase nenhum. Os poucos treinos que deu em foram em véspera de jogo. Claro que ele mudou o esquema tático e isso nos favoreceu bastante. Temos que controlar um pouco mais a bola e nos contra-ataques todos viram que dava para fazer mais gols se tivéssemos um pouco mais de calma. Mas com certeza isso vai ser melhorado no dia-a-dia”, afirma Silvinho.

Ele também mostra estar contente com o desempenho do companheiro de ataque Alemão, autor de três gols no Paulistão. “Estou muito feliz pela ascensão dele. Muitas pessoas estavam pegando no pé dele, dizendo que o Alemão não estava jogando bem, e para mim é muito bom que a fase dele melhorou. Quando ele vem buscara a bola me favorece bastante para fazer tabelas e o posicionamento dele está muito bom. Se ele estiver bem, vai ser muito bom para a Ponte Preta”, destaca.

O jogador finaliza salientando que, apesar do bom momento, faz questão de esquecer os últimos jogos e busca pensar só no próximo desafio. “O jogo contra o Ituano é mais importante que o três que passaram. Temos a consciência disso, o professor está conversando com todos e esperamos que na noite desta quarta possamos fazer uma boa partida e sair com a vitória”, completa Silvinho.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS