Ponte Preta enfrenta XV de Piracicaba, fora de casa, e técnico Sidney Moraes espera time ainda melhor após a última vitória

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/VictorHafner

 

A equipe da Ponte Preta encara o XV de Piracicaba na noite desta quinta-feira (30). O jogo, válido pela 4ª Rodada do Campeonato Paulista, será no estádio Barão de Serra Negra, em Pircaciba, às 21 horas. O técnico Sidney Moraes diz que tem estudado a equipe adversária de logo mais e confia em uma Macaca melhor qualificada para o confronto.

“O XV é um time que não começou bem os primeiros jogos, depois venceu a Portuguesa. É um time que tem jogadores como o Pipico e o Adílson na frente, que tem velocidade. Estudamos o adversário, vendo os pontos fortes que eles tem, e os negativos também. Não dá pra mudar muito. Já trabalhamos em cima disso e a expectativa mesmo é em relação à nossa equipe. Esperamos um crescimento, que já teve nesse último jogo em relação ao primeiro. E estamos torcendo que contra o XV possamos melhorar um pouquinho mais”, afirma o treinador.

Ele deve repetir a formação do último jogo, já que dar entrosamento ao time é uma de suas prioridades. “Com certeza esse time precisa de entrosamento. Temos que procurar mexer menos nesse início de temporada, ainda mais quando você está montando um grupo e um conjunto. Temos que procurar dar uma sequência, mas claro que se algum jogador estiver muito abaixo daquilo que esperamos, tem que mudar. Não há outra alternativa. Mas o grande início de trabalho é esse: mexer o menos possível, dar confiança aos jogadores, o time vai adquirindo um conjunto  e procuramos dar esse equilíbrio e sequencia para cresceremos na competição”.

Sidney Moraes também fala sobre a rivalidade que há entre as equipes da importância do jogo da noite. “Eu já ouvi falar sobre essa rivalidade. Que o XV de Piracicaba tem um tratamento diferente com a Ponte, até mesmo entre torcidas, não se 'bicam' muito. Mas eu acho que é um jogo importante para nós e para eles também. Temos que nos preparar da maneira que temos preparado em todos os jogos. Independente disso ou não a responsabilidade é grande em termos de pontuação e vamos usar isso até de uma forma que possa motivá-los, para que eles estejam empolgados nessa partida, que é de extrema importância para todos nós”, explica o técnico.

O comandante alvinegro reforça o trabalho de conjunto a ser formado na equipe. “Mudamos algumas coisas em termos de posicionamento, observando a equipe do XV. Vamos analisar ainda mais, para não termos surpresa nesse jogo. Esperamos esta com um time bem posicionado, com compactação melhor, principalmente com uma transição. Está faltando à nossa equipe manter essa posse de bola e roubar ela para poder fazer o ataque e durante a partida vamos observar melhor”, diz.

O treinador completa falando sobre a expectativa de evolução do time da última partida para o jogo diante do XV de Piracicaba. “Espero que o time jogue bem. O ponto principal que estamos tentando melhorar, e falo fazendo uma análise bem tranquila, é a segurança quando temos a bola, com essa transição da defesa para o ataque. Isso realmente pecamos no primeiro jogo e temos que reconhecer quando precisamos melhorar. E a virtude do time para poder crescer é ter a consciência de que tem que melhorar e trabalhar em cima disso para que aconteça. Já melhoramos um pouco e esperamos que no jogo diante do XV possamos ter uma produtividade maior do que a que tivemos no jogo contra o Audax”.

A partida desta noite tem transmissão das rádios sportivas de Campinas (FM 99,1 e AM 1170, 870 e 1170), placar ao vivo no Facebook da Ponte e texto com o rleato da partida no site oficial, depois do apito final.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS