Um dos destaques da zaga da Macaca na Argentina, Diego Sacoman agradece confiança do elenco para retomar o bom futebol

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/GuilhermeDorigatti

 O zagueiro Diego Sacoman sempre mostrou raça e disposição na Ponte Preta. Mesmo nos momentos difíceis pelos quais todo atleta passa, o jogador nunca se abateu e na noite desta quinta-feira (07) foi muito importante para a Ponte ter saido com a vitória contra o Vélez Sarsfield.

“Temos que agradecer a Deus pelo que tem feito por nossas vidas, e a esse grupo maravilhoso, que tem corrido e se dedicado a cada partida. Foi mais uma conquista para a Ponte. Agora é manter o foco para o jogo de domingo. Desligar um pouco da Sul-Americana e ligar o botão do Brasileiro porque precisamos dar uma arrancada boa”, afirma o zagueiro, que explica o trabalho feito pelo técnico Jorginho para a Ponte superar a equipe argentina.

“Sabiamos o que iríamos enfrentar aqui no que diz respeito a pressão. O Jorginho é um treinador muito experiente e nos passou isso. Armou a equipe conforme eles viriam jogar, marcando as beiradas deles. Lá em Campinas sofremos com as subidas dos alas deles e hoje o Rildo e o Chiquinho foram importantíssimos na marcação. Taticamente fomos muito bem, encaixamos contra-ataques e conseguimos a classificação”, diz Sacoman.

Ele conta sobre o período recente que passou, quando marcou dois gols contra. “Futebol é feito de altos e baixos. Passei por um momento difícil, mas com a ajuda dos meus companheiros e da comissão técnica, pela confiança que me passaram, consegui fazer uma boa partida. Vontade e determinação nunca iriam faltar. A equipe inteira correu e a cada jogo vamos procurar fazer o melhor para ajudar a Ponte Preta a conseguir seus objetivos”, enfatiza.

Agora a equipe enfrenta o Vitória no domingo (10), em Campinas, e o zagueiro acredita que a Ponte pode buscar forças também nos últimos resultados. “Essa vitória nos motiva. Não tiramos qualquer equipe da Sul-Americana. Tiramos o Vélez, atual campeão argentino, e isso nos dá motivação. As equipes que vem jogar contra a gente nos ve de uma maneira diferente. É o nosso sonho que está em jogo e estamos procurando colocar isso dentro de campo. Vamos procurar dar alegria a nossa torcida, de tirar a Ponte dessa situação no Brasileiro e quem sabe chegar a uma final histórica”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS