Em busca de uma vaga nos titulares, Rodolfo garante entrega nos treinamentos para aproveitar as oportunidades

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem: PontePress/Guilherme Dorigatti

 

Depois que estreou com a camisa da Macaca no dia 06 de maio na vitória diante do Paraná pela Copa do Brasil, o meia Rodolfo jogou todas as sete partidas seguintes pelo Campeonato Brasileiro, duas como titular e cinco entrando no decorrer do jogo. Agora, o jovem jogador de 21 anos, quer aproveitar o período de treinamentos para cavar de vez um lugar na equipe.

“Eu vinha entrando bastante nos jogos e tentando aproveitar as oportunidades da melhor forma possível. Vou treinar no meu máximo durante essa intertemporada e se tiver uma brecha vou procurar corresponder bem”, diz Rodolfo, que comenta também sobre a importância dos treinos físicos nesta etapa. “São chatos, mas é preciso fazer. Todo esse trabalho é para o nosso bem e vai fazer com que tenhamos vantagem dentro de campo. O trabalho está sendo bem feito para quando voltar o campeonato estarmos 100%.”

Para o jogador, a campanha da Ponte nesta primeira etapa do Brasileiro foi boa, e tem tudo para melhorar após a Copa. “Fechamos essa primeira parte fora do G4, mas apenas um ponto atrás. Estamos em uma posição boa, pois uma vitória nesta volta do campeonato pode nos colocar em uma grande posição”, afirma.

Com a rotina apenas de treinamentos e sem jogos oficiais, o tempo livre é usado para assistir e se inspirar nas partidas da Copa do Mundo. “Os melhores jogadores da atualidade estão na Copa do Mundo e assistindo aos jogos dessas grandes equipes você se inspira e aprende. O sonho de todo jogador é participar de uma Copa e é bom mirar no exemplo dos melhores. Entre os favoritos, aposto no Brasil, Alemanha ou Holanda”, fala Rodolfo.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS