Ponte treina nesta tarde e Renato Augusto espera oportunidade após se recuperar de lesão

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:

PontePress/GuilhermeDorigatti

 

A equipe da Ponte Preta vai realizar, na tarde dessa terça-feira (23), seu último treinamento antes da partida diante do Osasco Audax pela sexta rodada do Campeonato Paulista. A atividade técnica vai acontecer no estádio Moisés Lucarelli e terá o comando do treinador Felipe Moreira.

Entre os jogadores que vão participar do treino está o volante Renato Augusto. O jogador chegou à Macaca no início do ano e foi titular logo no primeiro jogo treino da temporada, mas sofreu uma contusão e ficou afastado. “Tem gente que acha que quando o jogador está machucado ele está acomodado e tranquilo, mas só Deus sabe o quanto trabalhei para chegar bem nesse ano. Em dezembro todo mundo estava de férias e eu estava treinando todos os dias de manhã e a tarde para me preparar. Comecei o ano bem, mas infelizmente eu tive essa torção que me afastou de toda a pré-temporada. Precisamos trabalhar sempre para fazer o melhor e agora cabe a mim estar pronto e quando a oportunidade aparecer aproveitar”, diz Renato Augusto.

O volante estava à disposição pela primeira vez em 2016 na última partida diante do São Bento e deve figurar novamente entre os relacionados. A briga agora e para garantir uma vaga no time titular em um setor cheio de concorrentes. “São muitas opções para o setor, mas temos que estar no dia a dia trabalhando para buscar o nosso espaço. Em todo o clube que trabalharmos sempre vai haver muitas opções, principalmente em times de alto nível. Temos que nos dedicar cada dia mais para mostrar à todos que temos condições de jogar.”

Na busca pela primeira vitória no estadual, o atleta considera normal a pressão que o time vem sofrendo. “A pressão é normal quando o resultado não vem, mas eu vejo um time que está brigando, lutando e trabalhando forte para fazer o que é certo. O futebol é assim, quando as coisas não acontecem do jeito certo a pressão é normal e vai existir em qualquer equipe do mundo. Não está faltando empenho e tenho certeza que vamos reverter essa situação”, pontua Renato Augusto, que reafirma a confiança na qualidade da equipe.

“A Ponte tem elenco para brigar lá em cima. É claro que temos que ser realistas que as coisas não aconteceram, mas eu tenho certeza que vamos dar a voltar por cima. Nós vemos no dia a dia o elenco que a Ponte Preta formou com jogadores que querem trabalhar e tenho certeza que se continuarmos trabalhando como estamos vamos sair dessa situação. No futebol as coisas sempre acontecem para quem acredita e busca o que quer.”

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS