Após cumprir suspensão, Reinaldo volta a estar à disposição de Eduardo Baptista e acredita em bom jogo da Ponte contra o Cruzeiro fora de casa

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

Um dos atletas da Ponte mais regulares da temporada, com 26 jogos em 28 possíveis nesse Brasileirão, o lateral-esquerdo Reinaldo não participou do último confronto, contra o Atlético Mineiro, por suspensão pelo terceiro cartão amarelo. De volta para o confronto contra o Cruzeiro, o atleta diz que vai se controlar para não tomar mais punições da arbitragem.

 

 “Infelizmente eu tomo muito cartão por reclamar com o juiz e tenho que me policiar quanto a isso, dar uma fechada na boca e reclamar só quando necessário. A maioria dos cartões que tomei foi por reclamação e tenho que parar com isso. Quero voltar bem contra o Cruzeiro e ajudar a Ponte a conquistar o resultado positivo”, afirma o defensor, que quer ver a Macaca somar pontos novamente fora de casa.

 

“Estamos indo com o objetivo de conquistar a vitória. Se não for a vitória, o empate é interessante para nós, pois chegaremos na casa dos 40 pontos, o que nos mantém lá em cima. Vamos buscar o resultado positivo não por vingança, mas por nossa necessidade”, diz o atleta, em referência ao confronto do 1º turno entre as equipes, em que a Ponte foi superada pelo Cruzeiro por 4 a 0 em Campinas.

 

“Naquele jogo deu um apagão no time e vamos para Minas não com a intenção de repetir o mesmo placar deles aqui. Se ganharmos de meio a zero estará excelente. Conseguir os três pontos seria ótimo para as nossas pretensões”, enfatiza.

 

Apesar da Ponte não ganhar há quatro jogos (três pelo Brasileiro e um pela Copa do Brasil), Reinaldo avalia que o time tem buscado o resultado positivo. “Estamos tentando, mas não é todo jogo que vai dar certo. Em Chapecó tivemos um primeiro tempo muito abaixo, mas conseguimos igualar o placar. Contra o Atlético Paranaense tivemos muitas chances de gol, oportunidades de sair na frente, mas tivemos a infelicidade do pênalti. Depois no segundo tempo teve a expulsão do Pottker. Mas fizemos bons jogos. Contra o Atlético em casa nos portamos bem, mas infelizmente em dois lances eles saíram na cara do gol. Tentamos a reação, mas não conseguimos. Campeonato Brasileiro é assim. Temos que estar sempre com o pensamento em pontuar, para chegar lá em cima”, completa.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS