Felipe Azevedo comemora primeiro gol com a camisa da Macaca

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem: PontePress/GuilhermeDorigatti

 

No último sábado (06) a Ponte Preta empatou com o Santos por 2 a 2 jogando na Vila Belmiro. O primeiro gol da Macaca foi marcado pelo atacante Felipe Azevedo, que balançou a rede pela primeira vez com a camisa alvinegra. “Eu não sou mais um menino no futebol e sabia que com tranquilidade as coisas iam acontecer. Contra o Vasco tive oportunidades e acabei não fazendo o gol por detalhes, mas agora o gol saiu e fico muito feliz. Espero dar sequência ao bom momento, pois ainda temos muito pela frente”, diz Felipe Azevedo.

O jogador revela que todos no elenco pontepretano estão muito conscientes de que é preciso manter o ritmo na sequência da temporada. “Nós conversamos muito para mantermos o mesmo espírito e a mesma pegada. O campeonato ainda está no início e estamos muito cientes que se não mantivermos a mesma pegada, tudo o que fizemos vai por água a baixo. Os mais experientes passam para os mais jovens para eles não se empolgarem com isso porque futebol é momento e muda muito rápido”, conta Felipe Azevedo, que exalta a importância de uma semana inteira apenas para treinamentos. 

“A nossa parte física está muito bem e é mérito do pessoal da preparação física e da fisiologia com nossa preparação, alimentação e recuperação. O Guto também tem sabido dosar a quantidade de treinos e isso surte efeito. A equipe corre o tempo todo e busca resultados que pareciam que não seriam possíveis. Essa semana vai ser importante para dar sequência neste trabalho.”

Com o pensamento já na próxima partida diante do Goiás, o atacante fala sobre a expectativa de fazer sua estreia diante da torcida da Macaca. “Nós sabemos que o um ponto conquistado fora de casa só vale se vencermos dentro. Eu ainda não tive a oportunidade de encontrar com o torcedor, as duas partidas que fiz em Campinas foram com os portões fechados, mas pude ver um pouquinho disso lá em Santos. A torcida foi até a Vila Belmiro, cantou e empurrou o time o tempo todo, mesmo fora de casa e espero o Moisés lotado no domingo para chegar a mais uma vitória no campeonato. Estamos no G4 e queremos permanecer ali dentro”, finaliza Felipe Azevedo.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS