Entre os quatro melhores da América do Sul: Ponte conquista vaga sobre o Vélez e enfrenta o São Paulo nas semifinais

A Ponte Preta conquistou um feito historico na noite desta quinta-feira (07). Em pleno estádio José Almafitani, em Buenos Aires, a  Macaca eliminou o tradicional time do Vélez Sarsfield pelo placar de 2 a 0. Elias abriu o marcador e Fernando Bob sacramentou o placar.

Com o resultado, a Ponte avançou até às semifinais e está entre as quatro melhores equipes da Copa Total Sul-Americana. A alvinegra enfrenta agora o São Paulo. No site da Conembol, a data para a primeira partida está previamente marcada para o dia 21 de novembro (quinta-feira), mas deve haver a confirmação em breve.

Este vai ser o segundo confronto brasileiro da equipe na competição. Na primeira fase a Macaca eliminou o Criciúma, vencendo em Santa Catarina e empatando em Campinas. Avançou para as oitavas de final e eliminou o Deportivo Pasto, com uma vitória em Campinas e uma derrota em San Juan de Pasto, mas que no saldo possibilitou seu avanço. E na noite desta quinta avançou de forma brilhante para a semifinal.

 

O Jogo

Nos dez primeiros minutos a equipe da Ponte Preta foi quem mais chegou ao ataque adversário, inclusive com duas faltas sofridas pelo lado esquerdo, mas que não resultaram perigo à defesa do Vélez.

Já dos 10 aos 20 minutos o Vélez Sarfield exerceu maior pressão. Foram alguns escanteios e bolas alçadas na área, mas sem levar muito perigo ao gol de Roberto. Aos 26 minutos a Ponte chegou com perigo ao ataque. Rildo tocou de calcanhar para Baraka no lado esquerdo do gramado. O atacante cruzou e Leonardo cabeceou. A zaga afastou.

Aos 27 minutos a melhor chance do jogo até então. Elias levantou a bola na área, Artur cabeceou e o goleiro Sosa fez grande defesa. Três minutos depois, o Vélez teve uma chance importante com Rescaldani. Roberto saiu do gol em bola levantada, mas o atacante argentino conseguiu cabecear. A bola foi para fora. O jogo permanceu truncado até o fim da primeira etapa, que terminou com o placar de 0 a 0.

O segundo tempo começou e o Vélez hegou com perigo. Lucas Pratto finalizou, mas a zaga da Ponte afastou o chute.  Aos três minutos a Ponte abriu o placar. Em rápido contra-ataque, Elias toca para Rildo pelo lado esquerdo. O atacante carregou e devolveu para o meia, que só colocou na saída de Sosa.

Aos oito minutos o Vélez quase conseguiu o empate. Cubero finalizou perto da pequena área, mas César, em cima da linha, afastou o perigo.  Aos 15 minutos a equipe da casa voltou a levar perigo com troca de passes entre seus atacantes. Entretanto, no passe final, Uendel fez a intervenção e jogou a bola para escanteio.

Aos 30 minutos Insúa cobrou falta. A bola foi alta, mas levou perigo ao goleiro Robert, que espalmou para escanteio.  Aos 37 minutos Lucas Pratto ajeitou com peito para Cabral que finalizou para boa defesa de Roberto. Dois minutos depois o Vélez acertou  a trave. EM bola levantada na área, César conseguiu fazer a intevenção, mas bola pegou efeito e acertou o travessão da Macaca.

Aos 41 minutoso time da casa chegou novamente ao ataque com Lucas Pratto, que chutou forte. Diego Sacoman tirou para escanteio. Aos 48 minutos a Ponte sacramentou sua classificação. Leonardo escorou de cabeça para Fernando Bob, que chapelou o goleiro e tocou de cabeça no fundo do gol do time argentino. Final de jogo, Ponte Preta classificada para as semifinais da Copa Total Sul-Americana! 2 a 0 para a Macaca!

Ficha Técnica:

 

Ponte Preta: Roberto; Artur, César, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Magal, Elias (Fernando Bob) e Chiquinho (Betão), Rildo (Régis) e Leonardo. Treinador: Jorginho.

 

Vélez Sarsfield: Sebastian Sosa; Fabían Cubero, Fernando Tobio, Sebastián Domínguez e Emiliano Papa; Agustín Allione (Insúa), Lucas Romero, Héctor Canteros (Cáseres) e Ariel Cabral; Lucas Pratto e Ezequiel Rescaldini (Copete).  Treinador: Ricardo Gareca.

 

Data: 07/11/2013, quinta-feira – 20h45.

Local: Estádio José Almafitani, Buenos Aires-Argentina.

Árbitro: Wilmar Roldan/COL

Auxiliares: Humberto Clavijo/COL e Eduardo Diaz/COL

Cartões Amarelos: Fernando Bob (Ponte). Cabral e Tobio (Vélez)

Cartão vermelho: Adrianinho (Ponte Preta).

Gols: Elias e Fernando Bob (Ponte Preta).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS