Ponte treina nesta tarde em Belo Horizonte e Roberto lamenta maratona de jogos com intervalo mínimo: é humanamente impossível não ter desgaste

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/GuilhermeDorigatti

 

A equipe da Ponte Preta permanece na cidade de Belo Horizonte até o sábado (05), quando segue viagem para Salvador. Sendo assim, os jogadores alvinegros vão realizar treinamento na tarde dessa sexta-feira (04) na Toca da Raposa, o centro de treinamentos do Cruzeiro na capital mineira. O goleiro Roberto lamentou a necessidade de realizar partidas na terça e na quinta-feira em sequência, ainda mais por motivos alheios à vontade da Macaca.

 

“Nós fomos prejudicados duas vezes. Na data em que o jogo era para ter acontecido nós iriamos jogar com o time titular e eles com o time considerado reserva. Depois, com o adiamento para esta data, nós não tínhamos condições de colocar o time titular, o pessoal que jogou na terça estava se arrastando no hotel na quinta e só queria saber de cama porque o cansaço estava forte”, diz o camisa 1.

 

Roberto, por sinal, sabe muito bem do que está falando. “Posso falar com propriedade porque eu sou formado em Educação Física e converso diretamente com o pessoal da fisiologia e da preparação da equipe: é humanamente impossível você não ter o desgaste por questões fisiológicas e bioquímicas que não permitem a recuperação do atleta. Imagine se joga com os titulares ! Quatro ou cinco jogadores poderiam se machucar, daí você perde o elenco para todo o campeonato.”

 

O camisa 1 da Macaca destaca que todos os times que tiveram que passar por isso foram prejudicados. “Pelo histórico todas as equipes que jogaram terça e quinta, perderam o jogo de quinta. O Náutico jogou terça e depois recebeu o São Paulo em Recife na quinta e perdeu, depois o próprio São Paulo perdeu para o Criciúma e o Inter perdeu para o Santos”, aponta.

 

O arqueiro reforça, porém, que essa situação já ficou no passado. “O que pensamos agora é exclusivamente no jogo de domingo. Não será fácil enfrentar o Bahia fora de casa, mas precisamos pontuar de qualquer forma. É uma final e a vitória é o que nos interessa.”  

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS