Ponte treina nesse sábado (29) e Aranha ressalta importância dos resultados conquistados nas últimas rodadas

 

Foto: PontePress/RaulSauan

A equipe da Ponte Preta realiza o último treinamento nesse sábado (29), antes de enfrentar o Fluminense amanhã, no Moisés Lucarelli. Após vencer três partidas seguidas (duas pelo Campeonato Brasileiro e outra pela Copa CONMEBOL Sudamericana), o ânimo e a confiança aumentou, mesmo o trabalho sempre ter seguido um mesmo norte, como fala o goleiro Aranha.

 

“Mesmo quando nós não estávamos vencendo as partidas, a equipe vinha produzindo, criando chances de gols. Tanto que nas entrevistas pós-jogos eu falava que a equipe corria muito, lutava, mas o gol não acontecia. E agora nessas últimas partidas tem acontecido. Nós que estamos aqui trabalhando no dia a dia, sabemos que tudo tem sido bem feito desde o início. Mas o que importa são os resultados”, explica o jogador, que divide o seu rendimento com os demais atletas do elenco.

 

“O goleiro depende muito da equipe também. Se o time começa a chegar em decisões e permanece do lado de cima da tabela, todos aparecem, assim como o goleiro. Então fico feliz de estar aparecendo de uma forma positiva”, ressalta Aranha, que acrescenta. “O que me mantem firme no futebol é a minha regularidade. O que vai me dar destaque ou não é o momento do time. Vindo de uma classificação na Sul-Americana se ganha um destaque maior. Mas sempre que eu jogo sou regular. Faço o simples, para não prejudicar a equipe”, pontua.

 

E se Aranha é uma figura importante na história do clube, Abel Braga, técnico do Fluminense, adversário da rodada, também é. Querido pela torcida, o goleiro comenta de forma positiva o carinho que há para com o treinador. “Nunca ouvi ninguém falar mal dele. Às vezes, porque as coisas ruins tem tido muito destaque e audiência, abrimos mão de falar de coisas boas, para falar das ruins, porque o assunto rende. É um cara que colaborou muito aqui na Ponte. Fez uma campanha salvadora e o torcedor pontepretanto reconhece isso. É legal valorizar o que há de bom. Ainda mais enquanto a pessoas está vivendo e aproveitando disso”, destaca.

 

O atleta também avalia o equilíbrio que tem tido nas competições nacionais. “No Campeonato Brasileiro, tanto Série A, como na B, é difícil apontar quem vai ser rebaixado e quem vai se classificar para a Libertadores. Está tudo muito equilibrado, concorrido e talvez o futebol esteja passando por um dos momentos mais interessantes, nessa era moderna.  Está dando igualdade de sonhar e de se preocupar para todos as equipes. Temos sempre que nos preparar para um grande jogo”, avalia o goleiro, que reforça.

 

“Qualquer ponto é fundamental. Vamos sempre procurar vencer dentro e fora de casa, como temos feito sempre. Mas em um campeonato equilibrado como esse, qualquer ponto é fundamental. Um ponto pode significar muita coisa lá na frente. Seja um rebaixamento, uma classificação para a Libertadores, e até mesmo um título. Todo ponto é válido e comemorado”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS