Ponte treina na manha desta quarta-feira (20); Cristian fala do primeiro contato com novo treinador Eduardo Baptista e acredita que grupo entrará fortalecido no Brasileiro

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

 

A preparação da Ponte para o prosseguimento na Copa do Brasil e início de Campeonato Brasileiro começou essa semana, já com o novo comandante Eduardo Baptista. O treinador, que iniciou as atividades com o grupo na segunda-feira, realiza mais um treinamento na manhã desta quarta-feira (20) e o meia Cristian falou sobre a alteração no comando técnico do clube.

 

“A mudança nos pegou de surpresa, mas temos que aceitar o que a diretoria nos coloca. Se eles acharam que era o momento, que seja assim. Em breve começa um campeonato muito importante e temos que começar muito bem, porque sabemos que não dar para brincar no Brasileiro. Temos que começar praticamente com todo o grupo em 100% das suas condições. É uma responsabilidade muito grande, ainda mais por não termos feito um Campeonato Paulista bom”, afirmou o meia, que ressaltou que o primeiro contato com o Eduardo foi positivo.

 

“Foi excelente. Eu não o conhecia, mas muitos jogadores do grupo o conhecem. Já colocou a filosofia de trabalho dele, bem forte e o pessoal está gostando. Claro que quando começa o campeonato é o jogo dentro de campo quem vai dizer se traz resultados. Mas se nos prepararmos muito bem, e colocarmos um estilo de jogo interessante, a possibilidade de vencer é muito maior”, ressaltou Cristian.

 

O jogador reforçou que o técnico deixou claro que ninguém tem posição garantida no time titular e acredita que isso é um combustível a mais para a equipe. “Com as palavras que ele nos disse, já entendemos o que quer de nós. Entrou dentro de campo tem que estar 100%. Se dedicar ao máximo, que é assim que o atleta será escalado. Quem fizer melhor sai na frente e isso é muito importante para o grupo”, completou.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS