Ponte treina nessa terça-feira (14) e Lins foca em trabalho para que equipe volte a vencer

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

A equipe da Ponte Preta treina nessa terça-feira (14) e depois segue para Ribeirão Preto, onde enfrenta o Botafogo/SP, nessa quarta-feira (15), em mais uma rodada do Campeonato Paulista. Um dos atletas relacionados para o jogo é o atacante Lins, que tem entrado mais no segundo tempo dessas primeiras partidas da temporada, mas que tem contribuído bastante sempre que acionado.

“Venho trabalhando e todo jogador que está aqui na Ponte Preta tem a condição de ser titular. É um grupo muito bom, principalmente o setor ofensivo da nossa equipe que tem atletas muito bons. Tenho que ter paciência, porque o treinador vai saber a hora certa de me escalar e é dar continuidade no trabalho, para pode encaixar ao longo do campeonato”, afirma o jogador, que também deu seu ponto de vista sobre o resultado negativo da rodada passada, diante do São Paulo.

“O time entrou com o intuito de vencer a partida. Infelizmente não foi possível. Saímos na frente, o primeiro tempo foi bem equilibrado, mas não conseguimos segurar, até pelo potencial do São Paulo e a pressão que iríamos sofrer, pela estreia do Rogério Ceni como técnico em casa. Mas é ter tranquilidade e trabalhar para o próximo jogo”, diz o atacante, que reforça.

“O time é empenhado. Ninguém quer perder de um, de seis, de sete. É vergonhoso para todos. O time vem lutando, se dedica, mas infelizmente foi um dia que nada deu certo para a nossa equipe. Mas somos um time maduro e queremos no próximo jogo reverter essa situação”, explica o jogador.

Para Lins, não só a derrota, mas as vitórias do início do ano servem para que a Ponte avalie o que pode ser melhorado. “Temos que ser inteligente tanto nas vitórias, como nessa derrota de agora. Temos que tirar proveito da situação. Infelizmente perdemos, mas tenho certeza que na próxima partida vamos conseguir criar mais chances para sair com a vitória”, acredita o jogador, que destaca o bom relacionamento do grupo com o técnico Felipe Moreira.

“Nossa relação com o Felipe é muito boa e é muito cedo essa cobrança em cima do trabalho dele. Estamos em um início de campeonato, com só três jogos oficiais e ele tem a confiança total do grupo. Até porque ele montou esse elenco. Temos que levantar a cabeça, trabalhar e seguir em frente”, completa.

 

Jeferson

O lateral-direito Jeferson, que saiu no primeiro tempo do jogo contra o São Paulo, sofreu uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda. A previsão é que o atleta fique de sete a 10 dias em tratamento.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS