Ponte treina e já segue viagem nesta terça; capitão Cléber destaca: temos que chutar para o gol e trazer resultado positivo contra o Flamengo

A Ponte Preta faz na manhã friorenta desta terça, no Majestoso, o último treino antes de enfrentar o Flamengo pela segunda rodada do Brasileirão 2013, na noite de amanhã em Minas Gerais. O time segue viagem logo após o almoço. O capitão Cléber conta que é muito ruim ter começado o campeonato com derrota, mas enfatiza que a equipe precisa trabalhar duro para se recuperar já contra o time carioca.

“A lição que ficou da derrota contra o São Paulo é que temos que chutar a bola pro gol, arriscar mais. Tivemos oportunidades de chutar e não chutamos, é preciso chegar em frente do gol e matar: no Brasileiro é assim, temos que fazer quando há chance, fazer agora pra não chorar depois. Não tem time pequeno, todos são difíceis e temos que focar um por um. Então é fazer uma grande partida dentro do campo e trazer um resultado positivo contra o Flamengo”, diz.

Para o defensor alvinegro, a Macaca tem tudo para começar a pontuar e embalar na competição. “Quando vier a vitória, Deus vai colocar a mão e ninguém vai segurar mais a Ponte Preta. Podem apostar que vamos surpreender muita gente”, afirma ele, que chegou a ser apontado como melhor em campo no jogo de estreia por emissoras de Campinas.

Sobre aquela partida em si, o atleta afirma que recebeu, sim, um pênalti não-marcado pela arbitragem , mas afirma que o passado tem de ser deixado para trás.  “Pra mim foi um lance claro, o zagueiro deles me puxou na cara dura, mas é assim mesmo, vamos deixar pra lá. Agora temos que corrigir nossos erros e ir para cima do Flamengo.  Sou uma pessoa bem-humorada, fico alegre quando venho treinar, mas nos cobramos muito no que erramos para que no próximo jogo possamos acertar”, pontua.

O zagueiro finaliza falando sobre a vontade dele e do grupo em vencer nesta quarta. “De mim podem esperar sempre vontade de jogar, meu foco sempre é vitória. E se tiver que correr pelos companheiros eu vou fazer isso, eles são meus parentes, meus irmãos, tiramos nosso sustento juntos ali,e isso nos motiva a todos.”

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS