Fora de casa, Ponte perde para o XV de Piracicaba

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem: PontePress/Thiago Toledo

 

Na noite dessa quarta-feira (30) a Ponte Preta foi até o estádio Barão de Serra Negra para enfrentar o XV de Piracicaba em partida válida pela quarta rodada do Campeonato Paulista. O jogo terminou com derrota pontepretana pelo placar de 4 a 1 Com o resultado, a Macaca permanece com 3 pontos e ocupa a 3º colocação no Grupo C.

 

Ao término da partida, os jogadores da Ponte reconheceram que a equipe jogou mal e que estavam se sentido envergonhados pelo placar. Outra declaração unânime entre o elenco foi a de que é preciso mudar de atitude para domingo.

O próximo compromisso da equipe alvinegra será no domingo (01) contra o Corinthians no estádio Moisés Lucarelli. O jogo da quinta rodada do estadual está marcado para às 17 horas e os ingressos já estão à venda.

O Jogo:

Jogando fora de casa, a Macaca teve a primeira chance de ataque da partida. Aos 7 minutos Silvinho cruzou da direita, o goleiro Márcio afastou a bola com um tapa, e no rebote, Magal chutou por cima do gol. Aos 11, Fabiano cruzou da esquerda, a bola desviou na zaga alvinegra e sobrou para Cafú chutar forte para fora. 

Dois minutos depois, Adriano cobrou escanteio da direita e Rodolfo apareceu no segundo pau para cabecear pela linha de fundo. Aos 23 minutos Silvinho recebeu a bola na direita, invadiu a área, mas chutou para fora. Aos 46, Adriano cobrou escanteio da esquerda e o zagueiro Pitty apareceu para cabecear, mas a bola saiu raspando o travessão. Sem tempo para mais nada, o primeiro tempo foi encerrado.

Na volta do intervalo, o time da casa foi logo para o ataque. Aos 26 segundos Adriano recebeu lançamento, dominou e chutou alto para abrir o placar. 1 a 0 para o XV de Piracicaba. 

Aos 8 minutos Alemão recebeu e chutou por cima do gol. Aos 17, Adrianinho cobrou falta frontal e obrigou o goleiro Márcio a pular e fazer uma grande defesa. O treinador Sidney Moraes promoveu duas alterações na equipe logo na sequência. Adrianinho e Ferrugem saíram para as entradas de Tchô e Rossi.

 O XV de Piracicaba teve mais uma oportunidade aos 19, Adriano tocou para Rodolfo vir de trás e chutar nas mãos de Roberto. A terceira mudança na Macaca aconteceu aos 28 minutos, Ademir entrou no lugar de Bruno Silva. Aos 35, Cafú cruzou da esquerda, o árbitro entendeu que a bola bateu na mão de Diego Sacoman e assinalou pênalti. O próprio Cafú cobrou no canto alto, sem chances para Roberto. 2 a 0 para o XV de Piracicaba.

Aos 41 minutos o XV de Piracicaba armou contra ataque rápido pelo meio, Cafú recebeu lançamento, fico cara a cara com Roberto e tocou na saída do arqueiro alvinegro para ampliar. 3 a 0 no placar de Piracicaba.

Dois minutos depois, Alef recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo, deixando a Ponte com 10 em campo. Logo na sequência, Gilsinho foi até a linha de fundo pela direita e cruzou para Pipico empurrar para dentro. 4 a 0 para os donos da casa.

Aos 46 minutos Tchô cobrou falta na área, Alemão chutou e o zagueiro adversário cortou a bola com a mão e o árbitro assinalou pênalti. O próprio Alemão cobrou, forte no meio, e marcou para a Ponte. 4 a 1. Logo depois, o árbitro encerrou a partida.

Ficha Técnica:
 
Ponte Preta: Roberto; César, Diego Sacoman e Gabriel; Alef, Bruno Silva (Ademir), Ferrugem (Rossi), Magal e Adrianinho (Tchô); Silvinho e Alemão. Treinador: Sidney Moraes.

XV de Piracicaba: Márcio; Paulo Henrique, Leonardo, Pitty e Fabiano; Adilson Goiano, Adriano (Bruno), Rodolfo e Gilsinho (Jean Carioca); Adílson (Pipico) e Cafú. Treinador: Edison Só. 
 
Data: 30/01/2014, quinta-feira – 21 horas.
Local: Barão de Serra Negra, Piracicaba-SP.
Árbitro: Rodrigo Guarizo do Amaral.
Auxiliar: Bruno Salgado Rizo e Vitor Carmona Metestaine.
Cartões Amarelos: Alef, Silvinho e Diego Sacoman (Ponte Preta); Rodolfo e Leonardo (XV de Piracicaba).
Gols: Alemão (Ponte Preta); Adriano, Cafú [2] e Pipico (XV de Piracicaba).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS