Com gols dos estreantes Borges e Cesinha e de Diego Oliveira, Ponte goleia o Moto Club e se classifica na Copa do Brasil

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem: PontePress/VictorHafner

 

A Ponte Preta garantiu a classificação na Copa do Brasil a golear o Moto Club nesta quarta-feira (13) no Moisés Lucarelli pelo placar de 4 a 1 com gols dos estreantes Borges (primeiro jogo oficial) e Cesinha [2], além de Diego Oliveira. Com o resultado, a Macaca se classifica para a terceira fase do torneio nacional para enfrentar o vencer de Fortaleza e Coritiba.

Agora, o próximo compromisso alvinegro será no próximo domingo (17) contra o São Paulo, às 18h30, novamente no estádio Moisés Lucarelli pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Série A 2015.

O Jogo:

Diante de 3.913 torcedores a Ponte começou logo no ataque. Ainda no primeiro minuto Borges arriscou da entrada da área e Raniere fez a defesa. A primeira oportunidade de Moto Club aconteceu aos 6 minutos com um chute de longe de Wanderson que saiu por cima do gol. Aos 8, Roni carregou a bola pelo meio e acionou Borges pela esquerda, o atacante mandou para o gol, mas parou na boa defesa do goleiro.

Aos 14 minutos Raylan puxou contra ataque em velocidade, mas na hora do chute o zagueiro Rodrigo Lobão apareceu bem para travar de carrinho. Aos 30, Borges recebeu dentro da área, girou em cima da marcação e chutou cruzado velando muito perigo. Três minutos depois, Leandrinho fez grande jogada dentro da área e deixou a bola para Borges acertar um belo chute e abrir o placar em Campinas. 1 a 0, o primeiro do atacante com a camisa alvinegra. Sem mais lances de perigo, o primeiro tempo foi encerrado após um minuto de acréscimo.

Na volta do intervalo, a Ponte atacou primeiro aos 9 minutos com um chute de Adrianinho da entrada da área que parou em Raniere. Aos 14, Ideilson acertou um belo chute de fora da área e Marcelo Lomba se esticou todo para fazer a defesa no canto baixo. Na cobrança do escanteio, Kleo mandou na cabeça de Luis Fernando que desviou a empatou o jogo. 1 a 1.

Aos 17 minutos Leandrinho fez bela jogada pela direita e cruzou na medida para Roni, de carrinho, mandar para fora. Logo na sequência, o treinador Guto Ferreira promoveu a primeira mudança no time, Adrianinho saiu para a entrada de Cesinha, que já no primeiro lance arriscou de fora da área para a defesa de Raniere.

A segunda mudança alvinegra aconteceu aos 27, com a saída de Roni para a entrada de Paulinho. Dois minutos depois Leandrinho fez mais uma boa jogada pela direita e cruzou na medida para Cesinha subir alto e testar para o fundo da rede. 2 a 1, o primeiro dele pela Macaca.

Aos 32 minutos Cesinha chutou da entrada da área e Raniere defendeu. A terceira e última alteração pontepretana aconteceu aos 35, quando Diego Oliveira entrou no lugar de Borges. Quatro minutos depois, Diego Oliveira recebeu na área e não desperdiçou a chance, chutou certeiro para marcar mais um para a Ponte. 3 a 1.

A Macaca teve mais uma oportunidade aos 45 minutos quando Cesinha tocou para Diego Oliveira dentro da área, o atacante cortou a marcação e bateu para fora. Um minuto depois, Cesinha recebeu dentro da área e chutou para a defesa do arqueiro adversário, no rebote, o próprio Cesinha empurrou para dentro. 4 a 1. Sem tempo para mais nada, a partida foi encerrada após quatro minutos de acréscimos.

Ficha Técnica:
 
Ponte Preta: Marcelo Lomba; Jeferson, Tiago Alves, Rodrigo Lobão e Malcoon; Juninho, Vitor Xavier, Adrianinho (Cesinha) e Leandrinho; Roni (Paulinho) e Borges (Diego Oliveira). Treinador: Guto Ferreira.

Moto Club: Raniere; Edson Pacujá, Luis Fernando, Rodolfo e Wanderson; Sandro Cacabal, Kleo, Davyd (Davyson) e Ideilson (Pedro Gusmão); Raylan e Naoh (Heider). Treinador: Filinto Holanda.
 
Data: 13/05/2015, quarta-feira – 19h30.
Local: Moisés Lucarelli, Campinas-SP.
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ).
Auxiliar: Gabriel Conti Viana (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ).
Cartões Amarelos: Borges e Rodrigo Lobão (Ponte Preta); Davyd e Luis Fernando (Moto Club).
Gols: Borges, Cesinha [2] e Diego Oliveira (Ponte Preta); Luiz Fernando (Moto Club).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS