Ponte faz último treino neste sábado (4), antes da estreia no Paulistão e técnico Felipe Moreira diz que time está pronto para confronto contra a Ferroviária

 

Foto: PontePress/RaulSauan

O técnico Felipe Moreira comanda o último treinamento da Ponte Preta, nesse sábado (4), antes da estreia da equipe no Campeonato Paulista, nesse domingo (5). O treinador ressaltou que o time está preparado para esse primeiro confronto da temporada, contra a Ferroviária no Majestoso.

 

“Foram quatro semana intensas de treinamento, essa última já focando no jogo contra a Ferroviária. O time está praticamente definido e é a base da Ponte e não têm muitas dúvidas. Vamos estar melhores para encontrar a Ferroviária em casa nesse primeiro jogo e queremos começar de uma maneira bem forte, com um resultado positivo”, afirma Felipe, que destaca a qualidade do elenco.

 

“Trabalhamos muitas variações. Hoje a Ponte tem um elenco com bastantes jogadores, principalmente de extremas de beiradas de campo. Trabalhamos com Ramon centralizado, Pottker do lado direito e Lucca pelo esquerdo, com Ravanelli por dentro. No jogo do Palmeiras trabalhamos assim no final e já tínhamos esse plano na cabeça de fazer, mas com a expulsão do João atrapalhou um pouco porque tivemos que fazer as duas linhas de quatro. Tem o Clayson pelo lado direito, o Lins que faz bem os dois lados e é importante que temos peças para essas posições”.

 

Além da analise sobre seu grupo, Felipe destaca que estudou muito o adversário. “Temos todas as informações da Ferroviária. É um time aguerrido, que luta o tempo todo, um time alto, com boa bola parada do Alan Mineiro. Passamos para os jogadores nossas observações e esperamos fazer um bom jogo”, revela o comandante, que explica a escolha dos atletas para esse início de Paulistão.

 

“A disputa é muito grande no nosso elenco. Estão todos no mesmo nível, querendo e brigando muito. É uma briga saudável, respeitando quem está jogando e quem está no banco. Fizemos a inscrição baseado no primeiro jogo, pois tive problemas com o Élton, o Wendel, o Breno Lopes e temos até dia três de março para inscrever e equilibrar o elenco. Mas o importante é que todos os jogadores estão querendo e vai entrar quem estiver melhor, naquilo que a comissão técnica decidir”, diz o treinador, que

 

“Nós elaboramos a pré-temporada em uma maneira e sempre começamos com um planejamento e a trabalhar mais a parte defensiva. Depois vai evoluindo e nessa última semana demos foco total ao ataque. Trabalhamos, na transição ofensiva, a ter mais a posse de bola na frente do campo, sempre perto do gol adversário. Os últimos dez dias foram nessa parte ofensiva e tomara que colhamos frutos diante da Ferroviária”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS