Ponte enfrenta Vitória/BA neste domingo (26) e Eduardo Baptista diz que ultimo revés serviu de lição à equipe, que vai entrar confiante para fazer um bom jogo contra os baianos

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

A Ponte Preta enfrenta a equipe do Vitória/BA, na tarde deste domingo (26). A partida, válida 11ª Rodada do Campeonato Brasileiro Série A, será disputada no estádio Barradão em Salvador. Ainda com o último resultado adverso na cabeça, o técnico Eduardo Baptista trabalhou de forma pontual após a partida contra o Cruzeiro, na busca de corrigir o que houve de errado e buscando alternativas para um melhor desempenho da Macaca.

 

“Temos que tirar coisas boas disso tudo. Buscamos os erros. A partida contra o Cruzeiro em si, tirando os gols, teve coisas boas. A Ponte Preta lutou, tentou, mas algumas faltas de atenção geraram gols. Conversamos bastante em cima desses erros, de aumentar essa concentração, porque quando resulta gol após um erro, é preciso ter atenção redobrada. A conversa foi nesse sentido. Trabalhamos no campo, pois o Vitória tem uma particularidade quando joga que tentaremos neutralizar, para que possamos voltar a pontuar”, afirma o técnico, que fez observações sobre o adversário deste domingo.

 

“O Vitória mudou um pouco do que vinha fazendo em seus jogos, nessa última partida contra o Grêmio. Colocou três zagueiros e nós não acreditamos que eles virão com essa formação. Até porque o Vitor Ramos foi suspenso. É um time que tem um ataque em que todos os seus jogadores têm um potencial para fazer gols muito grande, principalmente o Kieza e o Dagoberto. O Tiago Real dá uma mobilidade boa, com chegada interessante pelos lados É saber marcar essa equipe e quando tiver a bola aproveitar os espaços”, revela Eduardo.

 

O comandante da Macaca conta o que pretende fazer para recuperar o bom futebol da equipe. “Observamos um desenho um pouco diferente nos treinamentos. Já temos o 4-4-2 consolidado, treinamos uma outra formação e definiremos qual será a melhor. Temos bons jogadores. O que estamos estudando é mudar esse desenho tático, mas não podemos, com poucos treinamentos, fazer uma mudança drástica. Isso não dá resultado. Temos um time que vinha jogando bem e deu uma desequilibrada. Temos que tentar ser bem cirúrgicos. Atacar o ponto que é necessário, fazer uma mudança pontual e retomar o equilíbrio que tínhamos antes”, completa.

 

A partida será exibido ao vivo pelo Premiere FC. O jogo também tem transmissão pelas rádios esportivas de Campinas: FM 99,1, AM1170 e 870 e nas web rádios PonteNews e Macaca Reunida.

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS