Ponte enfrenta Fluminense neste domingo e quer segunda vitória seguida em casa

 

Após o resultado negativo diante do Coritiba, a Ponte Preta quer fazer as pazes com a vitória diante do seu torcedor nesse domingo (04). A equipe enfrenta o Fluminense, às 16 horas, no Moisés Lucarelli, em partida válida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, e espera conseguir a segunda vitória seguida em casa, já que na última vez que atuou no Majestoso derrotou o Santos. Para o técnico Paulo César Carpegiani a equipe pecou na partida realizada no Paraná, mas ele confia na evolução.

 

“Eu prefiro jogar futebol agressivo e que em várias passagens conseguimos compactar. Ainda estamos distantes daquilo que quero. Gosto de equipes bem compactadas, com velocidade, agressivas, mas que sejam equilibradas também. Isso é fundamental. Cometemos uma série de erros no último jogo. Eu fiquei satisfeito pela produção, mas temos que eliminar esse tipo de situação. Já demos mostra de que podemos melhorar”, diz o treinador.

 

Ele reforça a intenção de fortalecer o conjunto alvinegro. “Não podemos ser uma equipe no papel frágil e que com qualquer chutão sofra um gol. Pecamos mais por falhas nossas. Não podemos fazer três gols e sofrer cinco. Esse não é nosso propósito”, afirma.

 

Para o jogo desta tarde, a equipe conta com os desfalques de Ramirez e Rildo (suspensos), mas Carpegiani prefere incentivar os substitutos a lamentar as ausências. “Futebol é um todo. Ao longo desse tipo de campeonato vamos ter desfalques, assim como os adversários. Cometemos 15 faltas diante do Coritiba e quero uma equipe mais forte, mas que seja leal. Eu gosto que o time jogue, mas que seja competitivo. Não lamento a ausência dos que estão fora. Vou dar força para os que entram”, afirma o treinador.

 

Ele finaliza ressaltando o sentimento que tem em relação ao torcedor alvinegro, em especial para a partida de hoje. “Quando vinha jogar aqui eu tinha a torcida contra mim. É algo fantástico. Tinha que ganhar do time e da torcida. Então temos que ter paciência e reconquistá-la com vitória. Ela vai voltar. Eu gostaria que o torcedor já estivesse presente e já estivesse nos ajudando, e espero que hoje tenhamos muito desta força. Mas temos que fazer por merecer isso”, diz.

 

Os ingressos para a partida de hoje (na geral, a R$ 40,00 a inteira e R$ 20 a meia) estão à venda na bilheteria do estádio até o intervalo da partida.

 

 

 

(Crédito obrigatório para reprodução da foto: PontePress/PauloWohnrath)

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS