Ponte enfrenta Corinthians nesta quinta (26), às 11 horas, na Arena Itaquera e Eduardo Baptista se mostra confiante em bom futebol da Macaca

 

Foto: PontePress/FábioLeoni

 

A Ponte Preta entra em campo na manhã desta quinta-feira (26), na Arena Itaquera, onde enfrenta o Corinthians, às 11 horas, em partida válida pela 3ª Rodada do Campeonato Brasileiro da Série A 2016. O técnico da Macaca, Eduardo Baptista, sabe que será um confronto difícil, ainda mais sendo fora de casa, mas quer pontuar.

 

“O Corinthians vem sem vitórias, mas vem de bons jogos. É um time perigoso, com muitos jogadores de decidir partidas. Temos que entrar focados, sabendo que o Corinthians vem pressionado. A Ponte Preta tem que estar atenta a tudo isso e não se diminuir por conta disso também. Temos que marca-los, mas cima de tudo, quando tiver a bola ter personalidade para jogar, atacar e chegar ao gol. Quem sabe trazer a vitória para casa”, avalia o treinador, que acrescenta.

 

“Em um jogo como esse o resultado não dá para fazer previsão. Vamos para lá buscar os três pontos, ou até mesmo um ponto, mas buscar manter o nível que estamos tendo. Manter essa performance, com uma postura defensiva muito boa. Temos que ter esse nível de confiança lá em cima e se conquistarmos uma vitória será ótimo”, afirma o comandante.

 

Eduardo reforça que a Ponte tem que entrar muito focada. “O início do jogo vai ser importante. O Corinthians vem para resolver a situação, para não ter um jogo pressionado e nós temos que estar muito atentos a esse início. A Ponte Preta tem que estar alheio a essa pressão. Temos que ir à Arena para jogar o nosso futebol, fazendo o nosso melhor”, diz o técnico, que destaca o trabalho que tem feito desde que chegou ao clube.

 

“Mudamos o sistema de marcação. Eu acredito mais na marcação por zona, o que o deixa o time mais descansado na recuperação da bola, chegando ao ataque com um número maior de atletas. Outra área que estamos trabalhando é a posse de bola. Buscamos não nos livrar dela. Às vezes o time é encurralado no campo e esse retorno da bola aos volantes, para que eles participem e seja feita uma rotação, com a troca de lados é algo que estamos progredindo. Precisamos amadurecer nessa questão. Não podemos confundir pressa com velocidade. Mas isso é tempo, é trabalho, e os atletas têm evoluído. Mas para sonhar mais alto na Série A temos que melhorar”, completa.

 

Quem não puder ir à Arena Itaquera, as opções são as transmissões, do Premiere FC, das rádios esportivas de Campinas (AM 870 e 1170; e FM 99,1) e as web rádios Macacada Reunida e Ponte News.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS