Ponte luta até o último minuto, mas perde para o Atlético Mineiro e permanece a três pontos do G4

 

 

A Ponte Preta enfrentou o Atlético Mineiro, vice colocado do campeonato, na noite desse domingo (25) no Independência em Belo Horizonte e foi derrotada pelo placar de 2 a 1. Com o resultado, a Macaca permanece com 47 pontos e ocupa a nona colocação da tabela, com quatro pontos de vantagem para o Flamengo décimo colocado e três atrás do G4.

O próximo compromisso alvinegro será apenas na sábado (31), às 19h30, diante do Joinville no estádio Moisés Lucarelli na cidade de Campinas em partida válida pela trigésima terceira rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Quando se enfrentaram no primeiro turno, a partida terminou com empate de 1 a 1 em Santa Catarina, com gol marcado por Fernando Bob.

O Jogo:

Quem chegou ao ataque primeiro foram os donos da casa. Aos 15 minutos Datolo cobrou falta erguendo a bola na área para o argentino Lucas Pratto subir e cabecear por cima do gol. A Macaca chegou pela primeira fez aos 18, quando Gilson cruzou da esquerda buscando Borges, mas o goleiro Victor saiu bem para segurar a bola antes do atacante alvinegro.

Aos 24 minutos Lucas Pratto recebeu dentro da área pela esquerda e chutou para uma grande defesa de Marcelo Lomba. Logo na sequência, o zagueiro Leonardo Silva ficou com a bola pela direita, encheu o pé e também parou no paredão pontepretano. Aos 28, Leandro Donizete arriscou chute forte de longe e obrigou o camisa 1 da Macaca a fazer mais uma excelente defesa.

Sete minutos depois, Biro Biro puxou contra ataque pela esquerda, foi carregando a bola trazendo para a direita e chutou da entrada da área, mas mandou a bola pela linha de fundo. Aos 44 minutos Rodinei cruzou da direita, a zaga adversária cortou mal e a bola sobrou para Biro Biro, pela esquerda, chutar para a defesa de Victor. Sem mais lances de perigo, o primeiro tempo foi encerrado após um minuto de acréscimo.

No segundo tempo foi a Ponte Preta quem teve a primeira chance. Aos 3 minutos Elton arriscou chute de longe e parou no bem posicionado Victor. Dois minutos depois, Datolo invadiu a área e chutou forte, Marcelo Lomba espalmou, mas o rebote sobrou com Luan que empurrou para dentro e marcou o primeiro. 1 a 0 para os donos da casa. Aos 10 minutos Datalo acionou Douglas Santos pela esquerda, o lateral levantou a bola na área e Giovanni Augusto cabeceia para o gol. 2 a 0 no placar.

A primeira alteração da Macaca aconteceu aos 14 minutos com a saída de Borges para a entrada de Cesinha. Aos 17, o lateral Marcos Rocha chegou ao ataque pela direita e chutou para a defesa de Marcelo Lomba. Cinco minutos depois, quem arriscou o chute foi Leandro Donizete, mas o goleiro da Ponte estava bem colocado para segurar.

Aos 24 minutos Cesinha avançou pela esquerda e cruzou para Alexandro se antecipar à marcação e mandar por cima do gol. Aos 33 aconteceu a segunda substituição na Ponte com a entrada de Clayson no lugar de Cristian. O atacante Biro Biro fez boa jogada individual pelo meio aos 41 minutos e arriscou chute de fora da área que saiu pela linha de fundo.

A Ponte chegou novamente aos 46 minutos quando Biro Biro cobrou falta da esquerda levantando a bola na área, o zagueiro Renato Chaves subiu alto, desviou de cabeça e diminuiu o placar em Belo Horizonte. 2 a 1.

Um minuto depois, a Macaca roubou a bola e saiu em contra ataque rápido, Cesinha recebeu lançamento e tentou driblar o goleiro Victor para ficar de cara para o gol, mas o camisa 1 adversário conseguiu fazer o corte. Sem mais lances de perigo, o jogo foi encerrado após quatro minutos de acréscimos.

Ficha Técnica:
 
Ponte Preta: Marcelo Lomba; Rodinei, Renato Chaves, Ferron e Gilson; Fernando Bob, Elton e Cristian (Clayson); Biro Biro, Alexandro e Borges (Cesinha). Treinador: Felipe Moreira.

Atlético Mineiro: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Renato Carioca, Leandro Donizete, Datolo (Patric) e Giovanni Augusto (Cardenas); Luan (Dodô) e Lucas Pratto. Treinador: Levir Culpi.
 
Data: 25/10/2015, domingo – 19h30.
Local: Estádio Independência, Belo Horizonte/MG.
Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC).
Auxiliar: Carlos Berkenbrock (SC) e Bruno Boschilia (PR).
Cartões Amarelos: Gilson (Ponte Preta); Marcos Rocha e Jemerson (Atlético Mineiro).
Gols: Renato Chaves (Ponte Preta); Luan e Giovanni Augusto (Atlético Mineiro).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS