Pablo destaca a união e o comprometimento do grupo como responsáveis pelo bom início de campeonato

 

 

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/DJotaCarvalho

Quando a Chapecoense tentava impor uma pressão no final da partida, a bola sobrou para Cajá, que avançou e quase do meio de campo marca o terceiro da equipe fechando o placar. O meia se ajoelhou e Pablo e vários outros jogadores abraçaram o companheiro. A cena ocorrida no último sábado ilustra bem a união do grupo pontepretano. 

Para o zagueiro, o bom ambiente e a seriedade da equipe podem levar a Macaca bem longe no campeonato. “Nosso time é muito unido. Isso é bom para o time. Unidos podemos ir muito longe. Se você treina forte, se você se dedica, isso reflete no jogo. O Cajá, por exemplo, está colhendo nos jogos o que ele planta nos treinamentos”, explica. 

Pablo cobra foco total nas duas partidas fora de casa para somar pontos longe de Campinas.  “Serão dois jogos complicados, independente da situação do adversário. Não tem jogo fácil. Tem que entrar focado e determinado”, diz o atleta, que complementa afirmando estar vivendo o ponto alto da própria carreira até agora.

“É o melhor momento da minha carreira. Passei por algumas coisas que, apesar da pouca idade, me fizeram me amadurecer. Fico feliz pelo meu desenvolvimento. Sou um cara focado e determinado no que estou fazendo” 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS