No Majestoso, Ponte sofre o primeiro revés do Paulistão 2021

Publicado em: 04/03/2021


Foto: PontePress/ÁlvaroJr​

Em um jogo que teve um primeiro tempo extremamente truncado e com boas chances não concluídas na etapa complementar, a Ponte Preta conheceu na noite de hoje a primeira derrota no Paulistão 2021. Com um gol marcado à distância e no ângulo, o Santo André venceu a Macaca por 1 a 0.

Com o resultado, a Ponte termina a segunda rodada na terceira posição do grupo B, com 1 ponto – São Paulo e Ferroviária lideram a chave, com quatro pontos. O time do técnico Fábio Moreno volta a campo às 11 horas deste domingo (7), em São Paulo, contra o Corinthians.

O jogo

A Ponte Preta teve o primeiro lance de ataque logo no minuto inicial, com arrancada de Apodi pela direita. O lateral cruzou a bola, mas a zaga cortou para escanteio – na cobrança, mais uma vez a zaga afastou. O Santo André começava a jogar mais atrás e a Ponte procurava espaços para atacar.

Aos cinco, porém, o adversário criou uma chance de perigo, mas Apodi chegou para cortar. Na sequência, Luizão passou para Apodi mandar na área, mas a defesa cortou. Aos sete, novo lance com Apodi, desta vez saindo de passe de Vini Locatelli. O lateral cruzou para Paulo Sérgio, mas o lance foi interrompido.

Aos oito, Vini Locatelli foi pressionado e deu uma bela caneta no oponente para sair jogando. Ele lançou para Apodi, mas o goleiro oponente se antecipou e cortou. Aos 11, mais um lance de ataque alvinegro, mas o juiz anotou impedimento.

O jogo ficou mais truncado, com a Macaca insistindo. Aos 24, Renan Mota fez bom lançamento para Paulo Sérgio, que ficou de frente com o goleiro adversário, mas o arqueiro levou a melhor. Aos 31, a Macaca saiu em velocidade com Pedrinho, mas ele foi parado com falta. No minuto seguinte, novo ataque alvinegro parado com falta, desta vez em Paulo Sérgio.

Aos 36, boa chance da Macaca: Apodi recebeu lançamento longo e deixou na medida para Paulo Sérgio, que bateu cruzado, mas a defesa desviou para fora. Aos 41, bom ataque da Macaca com Renan Mota, que passou para Apodi, mas a zaga oponente cortou. Aos 45, Renan Mota fez belo levantamento na área, para Luizão cabecear, mas o zagueiro não alcançou por pouco.

No segundo tempo, a Macaca voltou mais agressiva e criou mais chances logo no início. Aos oito, Apodi faz bonita jogada, tabelando com Pedrinho, mas o atacante não conseguiu finalizar. Aos 11, boa torça de passes que terminou com a bola no pé de Paulo Sérgio, mas a bola subiu muito. Aos 14, Pedrinho recebeu em velocidade, mas a zaga cortou.

Aos 15, porém, o Santo André chegou ao gol com um chute forte do meio do campo, no ângulo, sem chance para Luan. 0x 1. A Ponte não se abateu e foi para cima. Aos 18, Apodi recebeu livre na área, dominou e bateu com força. A bola passa raspando no gol oponente. Aos 20, Renan Mota recebeu na entrada na área, mas a bola subiu muito. Dois minutos depois, Moisés chegou à linha de fundo e cruzou, mas a zaga afastou o perigo.

Aos 28, Apodi saiu em jogada perigosa, mas foi derrubado com falta. Vini Locatelli cobrou a falta e João Veras pegou a sobra, mas a zaga tirou. Aos 31, Renan Mota chutou, mas a bola foi bloqueada. Aos 34, Moisés recebeu belo passe de Bruno Michel, puxou para o meio e bateu, mas a bola saiu pela linha lateral.

Aos 42, o ataque da Ponte foi parado com falta. Na cobrança, Yuri bateu direto para o gol, com perigo, mas o Santo André cortou de cabeça. Aos 44, mais uma falta, agora em cima de Apodi. Yuri cobrou novamente, mas isolou. Aos 48, Locatelli fez bom cruzamento para Paulo Sérgio desviar de cabeça, mas a bola foi para fora.

Ficha do jogo

Ponte Preta:
  Luan; Apodi, Luizão, Ruan Renato e Yuri; Dawhan, Vini Locatelli e Renan Mota (Bruno Michel); Pedrinho (João Veras), Moisés e Paulo Sérgio. Técnico: Fábio Moreno.

Santo André: Fernando Henrique; Marcos Martins, Willian Goiano, Rodrigo e Giovanni Palmieri; Leo Costa (Paulo Roberto), Marino e Gegê (Wesley Fraga); Rone, Minho (Fernandinho) e Ramon (Tiago Marques). Técnico: Paulo Roberto.

Gols: Gegê, aos 15 do segundo tempo

Arbitragem: Fabiano Monteiro dos Santos apitou, com Danilo Ricardo Simon Manis e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa como auxiliares. O quarto árbitro foi Alysson Fernandes Matias e Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral ficou no VAR.

Cartões amarelos: Ruan Renato (Ponte); Giovanni Palmieri, Paulo Roberto (Santo André)

Jogo válido pela segunda rodada do Paulista, realizado no Majestoso, sem público (nem renda) por causa da pandemia

 


Outras Notícias


Veja Também

Newsletter Digite seu e-mail para receber nossa newsletter
Redes Sociais