Após a vitória contra o Oeste, Oliveira prevê confronto difícil com CSA: “Teremos que nos mobilizar muito, armar uma estratégia bem forte e procurar fazer um jogo mais regular, mais equilibrado, se quisermos buscar pontos lá em cima”

Publicado em: 25/11/2020


Foto:PontePress/ÁlvaroJr

A vitória da Macaca ontem no Majestoso deixou a equipe a um ponto do G4 e tornou a necessidade de vencer o CSA ainda mais importante. O técnico Marcelo Oliveira, porém, ressalta que o confronto será complicado e a Ponte Preta terá que estar bastante focada para trazer três pontos de Alagoas.

“Prevemos um jogo extremamente difícil, o CSA sob novo comando está jogando muito bem, tem ganhado jogos e subido na tabela. Teremos que nos mobilizar muito, armar uma estratégia bem forte para marcá-los bem e procurar fazer um jogo mais regular, mais equilibrado, se a gente quiser  buscar pontos lá em cima”, alerta.

O treinador, porém, acredita que é possível vencer. “A série B é uma competição disputada e de concorrência grande, mas não vejo nenhum time que não possamos ganhar, assim como não vejo jogo fácil. O maior exemplo disso foi o jogo contra o Oeste ontem. Então temos que estar bem mobilizados, preparados, competindo muito, marcando forte e procurando escolher melhor a última jogada, sendo mais efetivos na hora de fazer o gol”, detalha.

Vitória de terça

Sobre o resultado de ontem, Oliveira analisa. “Uma vitória sempre gera confiança, mais tranqüilidade. E não merecíamos perder o jogo. Apesar de termos feito um primeiro tempo ruim, o adversário não teve chance real de gol. O problema é que não conseguimos desenvolver a parte ofensiva, o que melhorou no segundo tempo. Temos que considerar ainda que, mesmo estando na última posição, o Oeste venceu o Brasil de Pelotas, é um time diferente do que era e ainda vai dar trabalho pra muita gente”, acredita.

Questionado sobre ter iniciado o jogo com dois volantes em campo, o treinador expica que a ideia foi repetir o time da partida passada. “Fizemos um ótimo jogo contra o vitória jogando com dois volantes, por isso repeti para dar mais lastro, entrosamento. O primeiro tempo foi ruim, o adversário marcou muito e criou dificuldade, mas no segundo tempo as mudanças que fizemos nos deixaram mais leves e efetivos. Vamos valorizar a vitória, estamos invictos há cinco jogos, 60% de aproveitamento. Nosso rendimento é que precisa ser mais regular”, diz.


Outras Notícias


Veja Também

Newsletter Digite seu e-mail para receber nossa newsletter
Redes Sociais