Zagueiro Ruan Renato diz que trabalho do dia a dia vai melhorar sistema defensivo e possibilitar campanha sólida : “Tenho certeza que vamos ajustar o que está errado e aí tem tudo para conquistar o acesso”

Publicado em: 26/10/2020


Foto:PontePress/ÁlvaroJr

Um dos últimos atletas a se intergrar ao elenco pontepretano, o zagueiro Ruan Renato está confiante de que a Ponte Preta tem todas as condições de conquistar uma vaga na série A para 2021. Tanto que, mesmo com convites para outras equipes, o defensor que tinha contrato com o Botafogo-RJ aceitou na hora vir para a Macaca.

O desafio é grande, mas a gente sabe o tamanho da Ponte Preta e a qualidade dos atletas que estão aqui. Sou natural de Paulínia, por isso sei da tradição e peso da Macaca, e não pensei duas vezes em vir para cá. Se ajustarmos as coisas, tivermos um maior equilíbrio no sistema defensivo, temos tudo para conseguir o acesso que a Ponte merece”, pontua.

Na opinião do atleta, os dois resultados ruins seguidos da alvinegra na série B não podem moldar o time. “A pressão sempre vai existir, o jogador de futebol convive com isso diariamente, mas não se pode definir a Ponte em um ou dois jogos. Os tropeços não podem apagar a campanha que a Ponte vem fazendo. Temos que trabalhar, estudar os jogos, aprendermos com o que erramos e seguir em frente”, pontua.

O defensor enfatiza como o time vai conquistar o equilíbrio necessário. “Isso é no trabalho dia a dia, ajustando para que os erros não aconteçam,  ganhar os jogos sem sofrer muito. O Marcelo Oliveira passa confiança para todos, sabe o que cada um pode fazer. É no trabalho diário que vamos conseguir superar, melhorar o setor e fazer uma campanha sólida na série B”, opina.

Ruan Renato complementa: “No futebol moderno, não se pode separar ataque de defesa, o sistema defensivo é composto por todos, a marcação começa lá na frente. O Marcelo Oliveira vem trabalhando nisso, pra encontrar o equilíbrio,fazer gols e não tomar. Com isso vamos conquistar essa constância para voltar ao G4, construir uma gordurinha e aí pensar em titulo.”

O zagueiro finaliza falando sobre o que a torcida pode esperar dele. “Cheguei no meu melhor momento fisicamente, me sinto experiente e acredito que posso ajudar no elenco, Como fiquei algum tempo sem jogar, treinar com bola, estou focando bastante nesta semana cheia e acredito que estarei apto para jogar no dia 2, caso o Marcelo opte por mim. Sou um zagueiro forte, não me acho lento, gosto de sair pro jogo e sou bom na bola aérea. Espero mostrar tudo isso dentro de campo para ajudar a Ponte”, conclui.


Outras Notícias


Veja Também

Newsletter Digite seu e-mail para receber nossa newsletter
Redes Sociais