Meia Giovanni é apresentado e promete briga sadia com o amigo Ramirez

Jogador de 19 anos garante que “tem idade de menino, mas muita experiência”

 
O meia Giovanni foi apresentado oficialmente nesta segunda (24) e promete se esforçar ao máximo para conquistar um lugar na equipe. O atleta de 19 anos, que já conhecia Ramirez do time de origem de ambos, o Corinthians, garante que vai se empenhar na disputa com o peruano pela vaga, mas afirma que também pode atuar mais como atacante, se for o melhor para a Macaca.  
 
“O Ramirez é um grande amigo, e será uma briga sadia por algo que nós dois queremos. Minha formação é como meio campista mesmo, joguei assim na Base, mas depois me adaptei ao sistema do professor Tite, mais aberto pela direita. Mas para mim é indiferente: vim para jogar, como o técnico preferir”, diz.
 
Apesar de jovem, Giovanni já foi convocado diversas vezes para a seleção SUB20 – nas últimas duas passagens disputou competições na França e na Suiça – e também defendeu a equipe paulistana no Mundial. “Tenho idade de menino, mas já aprendi bastante coisa, e espero que isso me auxilie a ajudar o time em tudo o que for necessário.”
 
Mesmo com diversas competições internacionais no currículo, a camisa da Ponte Preta será apenas a terceira que o atleta já vestiu – já que além dela só atuou por Corinthians e Brasil. “Estava completando cinco anos lá no Corinthians e vim para cá com o objetivo de conquistar meu espaço e adquirir mais experiência. Assim como as outras camisas que usei, a camisa da Ponte é uma camisa grande e espero estar à altura”, finaliza.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS