Maycon é apresentado e afirma que chega para ajudar a Ponte Preta a se manter nas primeiras colocações do Brasileiro

Crédito obrigatório para reprodução:
Rodrigo Ceregatti/Ponte Press

 

Considerado uma pérola da base corintiana, o volante Maycon já era para ter vindo para o elenco da Macaca, se não fosse a recusa do hoje técnico da Seleção Brasileira, e apreciador do seu futebol, Tite.

A negociação relâmpago envolvendo o empréstimo do volante foi mérito da diretoria da Ponte, que precisou ir as pressas ao mercado, pois devido a lesões e suspensões, a equipe carecia de volantes para enfrentar a equipe do Santos na Vila Belmiro. Para o jogador, é uma chance de mostrar o seu futebol e encarou de frente a responsabilidade na última partida.

“Encaro como uma oportunidade. Estou feliz de estar aqui em um clube como a Ponte Preta. Espero realizar bons jogos, fazer a torcida feliz e ter uma boa caminhada aqui. Foi um jogo difícil. Qualquer equipe que for jogar lá vai ter muitas dificuldades. O Santos na vila é muito forte. Estava treinando, estava preparado. Foi mais na questão tática mesmo, do que o professor Eduardo me passou. No primeiro tempo estava difícil. Faltou um pouquinho de entrosamento. No segundo tempo voltamos bem e equilibramos a partida. Acredito que fui bem e realizei um bom jogo”, explicou o volante.

Questionado sobre o número de jogadores para a posição, Maicon disse que vem para somar e que todos os jogadores são importantes em um campeonato longo como o Brasileiro.

“O professor sempre dá oportunidade para todo mundo. Todos os jogadores são importantes e serão utilizados. Futebol é lutar contra tudo e contra todos. Temos que mostrar o nosso melhor dentro de campo. Vamos jogar para vencer. Eu estava jogando com jogadores muito mais velhos que eu no Corinthians. Sou um jogador que quero aprender. Vamos ajudar a Ponte a crescer nesse Brasileiro.

O atleta falou sobre a sua experiência apesar da juventude.

“Joguei Libertadores, clássicos, peguei estádio cheio, já passei por situações legais que me trouxeram um pouco de experiência. O objetivo é ir o mais longe possível nesse campeonato. O importante é ficar na parte de cima da tabela. Vim para ajudar o grupo e meus companheiros”, encerrou.

O volante Maycon já trabalhou com o lateral Jeferson na Seleção. 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS