Matemática x Estatística: quando a Ponte poderá estar efetivamente garantida na Série A?

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:
PontePress/Victor Hafner

 

A reta final do Campeonato Brasileiro está aí e a Macaca lidera a tabela de classificação, com 61 pontos. A vantagem para o quarto colocado, o Avaí, é de nove pontos e para o quinto, o Ceará, de 11. Restando mais seis rodadas na competição, a Ponte se encaminha para confirmar o acesso à primeira divisão nacional, mas se engana quem pensa que o time já está garantido na Série A.

Mesmo que a Macaca vença seu próximo jogo contra o Sampaio Correa no sábado e os adversários diretos percam, a vantagem para o quinto colocado ainda seria de 14 pontos. Como restarão cinco rodadas depois desta e, portanto, 15 pontos em disputa, o acesso não estaria matematicamente garantido.

“Hoje a Ponte tem 99,8% de chances de se classificar entre os quatro primeiros, isso é estatística, probabilidade. Para atingir a certeza matemática é preciso chegar aos 100% e isso não irá acontecer no próximo jogo. Como essa meta depende de outras equipes, não é possível determinar hoje em que rodada vai acontecer", diz o estatístico da Ponte Preta Laércio Venditte .

Ele ressalta que para estar matematicamente garantida na elite, a diferença da Ponte para o quinto colocado tem que ser maior do que a quantidade de pontos ainda em disputa. "Então vamos atualizando as chances rodada por rodada”, afirma Venditte, que ainda explica como funcionam as estatísticas.

“Os cálculos da estatística levam em conta as chances de vitória, empate e derrota em todos os jogos. Por exemplo, por tudo o que já aconteceu no campeonato, a chance da Ponte vencer o Sampaio Correa no sábado é maior do que a de empatar ou perder. Como o time ainda faz três jogos em casa, essa probabilidade de sucesso é muito grande. No entanto, o fato de ser provável não significa que é o que vai acontecer. Por isso, garantia mesmo, só quando a matemática disser isso”, finaliza.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS