Redimensionamento do Majestoso feito em setembro pelo Corpo de Bombeitos determinou capacidade do estádio em 27.946 pessoas

Com a aproximação das semifinais da Copa Total Sul Americana e a realização da segunda partida marcada para o Majestoso, surgiram questionamentos sobre a capacidade do estádio, já que a regra do estádio estabelece que para sediar o confronto é preciso que o palco do evento seja apto a receber pelo menos 20 mil pessoas. O Majestoso tem capacidade maior do que essa: 27.946.

A dúvida surgiu porque até o Campeonato Paulista a capacidade estava definida em 19,6 mil – sendo que por definição do Corpo de Bombeiros/PM estavam liberados cerca de 17 mil pessoas para entrada. No entanto, a Ponte Preta solicitou ao Corpo de Bombeiros um estudo que levasse em conta as atuais regras de segurança em estádios. Em setembro de 2013 este redimensionamento foi concluído pelos bombeiros e foi determinado pela corporação que a capacidade do Moisés Lucarelli é de 27.946 pessoas.

Vale lembrar ainda que a mesma regra de capacidade mínima de 20 mil pessoas já era exigida pela Conmebol para as quartas de final, por exemplo, e o estádio foi liberado normalmente para a partida contra o Vélez Sarsfield – por sinal, na ocasião foram colocados 20,9 mil ingressos à venda.

Por fim, tanto na partida contra o Vélez quanto na contra o Deportivo Pasto em Campinas esteve presente um representante da diretoria da Conmebol, que constatou não apenas a capacidade do estádio como ainda elogiou as dependências pontepretanas.  Como se vê, não há razão alguma para que a partida de volta das semi contra o São Paulo seja realizada em outro lugar que não o Estádio Moisés Lucarelli, casa da semifinalista Associação Atlética Ponte Preta.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS