Com gols de Borges e Fernando Bob, Macaca vence o Fluminense por 3 a 1

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:

PontePress/FábioLeoni

 

Pela segunda vez seguida a Macaca marcou três gols jogando no estádio Moisés Lucarelli e venceu por 3 a 1, dessa vez, a vítima foi o Fluminense. A terceira vitória consecutiva da Ponte Preta foi construída na noite desse sábado (19) com gols de Borges, Fernando Bob e Marlon [contra]. Com o resultado, a Macaca chega a 37 pontos e dorme na 10ª colocação da tabela.

O próximo compromisso alvinegro será no domingo (27), às 11 horas, diante do Atlético Paranaense na Arena da Baixada na cidade de Curitiba em partida válida pela vigésima oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Quando se enfrentaram pelo primeiro turno do nacional, a Ponte venceu no Majestoso em Campinas por 2 a 1, com gols marcados por Renato Cajá e Felipe Azevedo.

O Jogo:

Diante de 5.470 torcedores, a Ponte começou com tudo. Aos 4 minutos Diego Oliveira fez boa jogada pela esquerda e cruzou na área para Cristian, mas a zaga chegou em cima e conseguiu afastar. Aos 7, o atacante Borges recebeu a bola, carregou em velocidade para dentro da área e bateu forte cruzado para abrir o placar em Campinas. 1 a 0 para a Ponte, o quinto de Borges no campeonato e o 98 dele na história do Brasileirão.

Aos 24 minutos Felipe Azevedo puxou contra ataque veloz pela direita e assinou Diego Oliveira na esquerda, o atacante entrou na área e foi derrubado por Renato, que cometeu pênalti. O capitão alvinegro Fernando Bob cobrou com força, no meio do gol, e ampliou o placar alvinegro. 2 a 0.

Cinco minutos depois, Felipe Azevedo arriscou de longe e mandou pela linha de fundo. A primeira oportunidade do Fluminense aconteceu aos 30 minutos, quando Osvaldo cruzou da esquerda e Gustavo Scarpa cabeceou para fora. Aos 41, Diego Oliveira fez uma grande jogada pela esquerda e cruzou rasteiro na área, o atacante Borges disputou com o defensor Marlon, que empurrou para dentro marcando contra. 3 a 0 no Majestoso. Sem mais lances de perigo, o jogo foi encerrado após um minuto de acréscimo.

Na volta do intervalo, o Fluminense foi logo para o ataque e, já no primeiro minuto, Fred tocou para Gustavo Scarpa empurrar e marcar. 3 a 1 no placar. Aos 12 minutos a Ponte promoveu a primeira substituição com a saída de Diego Oliveira, que sentiu dores, para a entrada de Alexandro. Aos 21, o treinador Doriva mexeu pela segunda vez com a entrada de Clayson na vaga de Cristian.

Aos 30 minutos Clayson recebeu a bola pela direita, cortou a marcação para o meio e bateu de pé esquerdo para fora. Cinco minutos depois, a terceira e última mudança alvinegra, Keno entrou no lugar de Borges. Aos 37, Rodinei arriscou chute de fora da área e parou nas mãos de Diego Cavalieri. Sem mais lances de perigo, o jogo foi encerrado após 4 minutos de acréscimos.

Ficha Técnica:
 
Ponte Preta: Marcelo Lomba; Rodinei, Fábio Ferreira, Ferron e Juninho; Fernando Bob, Elton, Cristian (Clayson) e Felipe Azevedo; Diego Oliveira (Alexandro) e Borges (Keno). Treinador: Doriva.

Fluminense: Diego Cavalieri; Renato, Gum, Marlon e Léo; Douglas (Ronaldinho), Edson, Cícero e Gustavo Scarpa (Wellington Paulista); Osvaldo (Marcos Júnior) e Fred. Treinador: Eduardo Batista.
 
Data: 19/09/2015, sábado – 21 horas.
Local: Moisés Lucarelli, Campinas/SP.
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO).
Auxiliar: Bruno Boschilia (PR) e Cristhian Passos Sorence (GO).
Cartões Amarelos: Fernando Bob e Juninho (Ponte Preta); Douglas, Fred, Renato e Cícero (Fluminense).
Gols: Borges, Fernando Bob e Marlon [contra] (Ponte Preta); Gustavo Scarpa (Fluminense).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS