Biro Biro marca dois contra o Atlético Paranaense e Macaca vence a quarta seguida no Brasileirão

 

 

Mais uma vez a Ponte Preta jogou às 11 horas de domingo e, novamente, conquistou uma vitória. A vítima da vez foi o Atlético Paranaense que foi derrotado na Arena da Baixada em Curitiba pelo placar de 2 a 1, com dois gols marcados elo atacante Biro Biro. Com o resultado, a Macaca chega a 40 pontos e ocupa a 9ª colocação na tabela.

O próximo compromisso alvinegro será no domingo (04), às 16 horas, diante do Corinthians no estádio Moisés Lucarelli na cidade de Campinas em partida válida pela vigésima nona rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. 

O Jogo:

A partida começou com muito toque de bola e poucas oportunidades de gol. Aos 13 minutos o Atlético cobrou escanteio da esquerda e o zagueiro Vilches cabeceou para fora. Um minuto depois, Cristian tocou para Felipe Azevedo invadir a área e bater cruzado para a defesa de Weverton. Logo na sequência, Rodinei cobrou lateral na área para Borges, que fez o trabalho de pivô e tocou para Cristian chutar em cima da marcação, o rebote ficou com Biro Biro que emendou um belo chute para abrir o placar. 1 a 0 para a Macaca.

Aos 16 minutos Eduardo avançou pela direita e cruzou na área, o atacante Ewandro apareceu e cabeceou por cima do gol. Dois minutos depois, Ewandro ficou com a sobra dentro da área e, mais uma vez, mandou por cima do travessão. Aos 19, Crysan chutou da linha de fundo pela esquerda e Marcelo Lomba defendeu, na sobra, Sidcley ficou com a bola pela direita e tocou para o gol, mas o camisa 1 alvinegro conseguiu se recuperar e chegou a tempo de desviar a bola com o pé para evitar o empate dos donos da casa.

O Atlético Paranaense foi para cima buscando o gol de empate e, aos 28 minutos, Sidcley cruzou da esquerda, Marcos Guilherme ajeitou de cabeça pela direita buscando Bruno Mota na marca do pênalti, ele matou no peito e bateu no cantinho, sem chances de defesa, para empatar o jogo na Arena da Baixada. 1 a 1 no placar. Sem mais lances de perigo, o primeiro tempo foi encerrado após três minutos de acréscimos.

Na volta do intervalo, o Atlético Paranaense começou atacando. Aos 4 minutos Sidcley arriscou de fora da área e mandou pela linha de fundo. Aos 7, Marcos Guilherme cobrou escanteio da direita e Kadu cabeceou para fora, rente a trave alvinegra. Sete minutos depois, a primeira mudança na Ponte, Felipe Azevedo saiu para a entrada de Diego Oliveira. Aos 18, Biro Biro invadiu a área em jogada individual e bateu no cantinho para marcar mais um. 2 a 1 para a Ponte.

Aos 39 minutos Alexandro fez jogada pela esquerda, entrou na área e rolou para Borges com o gol aberto, mas o centroavante mandou por cima do travessão. Aos 45, Borges arriscou chute de longe, mas a bola saiu pela linha de fundo. Sim mais lances de perigo, o jogo foi encerrado após três minutos de acréscimos.

Ficha Técnica:
 
Ponte Preta: Marcelo Lomba; Rodinei, Renato Chaves, Ferron e Gilson; Fernando Bob, Elton, Cristian (Alexandro) e Felipe Azevedo (Diego Oliveira); Biro Biro (Clayson) e Borges. Treinador: Doriva.

Atlético Paranaense: Weverton; Eduardo, Chistian Vilches, Kadu e Sidcley; Otávio, Bruno Mota, Hernani (Roberto) e Marcos Guilherme (Giovanni); Crysan e Ewandro (Ytalo). Treinador: Milton Mendes.
 
Data: 27/09/2015, domingo – 11 horas.
Local: Arena da Baixada, Curitiba/PR.
Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC).
Auxiliar: Nadine Schramm Camara Bastos (SC) e Helton Nunes (SC).
Cartões Amarelos: Felipe Azevedo, Fernando Bob, Biro Biro e Diego Oliveira (Ponte Preta); Hernani e Eduardo (Atlético Paranaense).
Gols: Biro Biro [2] (Ponte Preta); Bruno Mota (Atlético Paranaense).

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS