Macaca faz último treino antes de seguir a SP e Hélio dos Anjos garante: “Pensamento é de vitória”

Foto:PontePress/DiegoAlmeida

 

A Ponte Preta faz na manhã chuvosa desta sexta-feira (11) o último treinamento antes de enfrentar o Corinthians, em partida marcada para às 18h30 deste sábado, válida pela penúltima rodada da fase inicial do Paulistão. O técnico Hélio dos Anjos quer o time nos cascos e destaca que seu pensamento não é no empate amanhã para investir todas as fichas no último jogo em casa em busca da manutenção na série A1 do Paulistão. Para o treinador pontepretano, o foco tem de ser em duas vitórias.

“O Corinthians é um time que está com a vida resolvida na competição e busca uma melhora de performance, até mesmo pela recente troca de comando. Mas nossos objetivos são outros e não podemos entrar em campo pensando que o empate é o melhor resultado em virtude da  grandeza do adversário. Com o passar do tempo, o desenrolar do jogo e das circunstâncias, um ponto pode até vir a ser importante, mas temos que entrar para fazer um jogo supercompetitivo e com pensamento de vitória. Circunstancialmente, sim, um empate pode vir a ser bom,  mas a princípio não podemos pensar nisso: temos que pensar em vencer”, enfatiza.

Questionado pela imprensa de Campinas sobre supostas manchetes de informativos paulistanos dizendo que o adversário fará um “treino de luxo” contra a Ponte Preta, Hélio dos Anjos responde com tranquilidade. “Isso pode ser uma opinião de imprensa. Se fosse externada pelo Corinthians eu responderia, mas não acredito que o pensamento deles seja esse e, sim, de buscar um aumento de performance em um jogo em que eles já estão classificados. Vai ser um jogo duríssimo, não podemos pensar que eles vêm de sangue doce, não”, alerta.

O treinado acrescenta que a preparação para a partida foi de muita intensidade e os atletas tiveram todo o apoio necessário. “Encontramos diariamente com os dirigentes, as pessoas que nos dão suporte. Falo com o presidente constantemente, inclusive ontem à noite conversei com ele, junto com o todo o grupo de trabalho. Em um momento como este é importante proteger aqueles que vão resolver os problemas. Passamos a semana falando muito com o grupo, coletiva e individualmente, fazendo treinamentos muito fortes e proveitosos. Esse grupo tem nível de trabalho e vontade muito grandes”, destaca.

Anjos tambpem foi perguntado sobre as ausências em campo: além dos quatro atletas emprestados junto ao Corinthians que contratualmente não podem atuar contra o time de origem (Léo Santos, Fessin, Matheus Jesus e Igor Formiga), o treinador anda não terá de volta o lateral Guilherme Santos. Por outro lado, Fabricio está à disposição e Wesley treinou bem durante a semana e também pode ser escalado.

“Trabalhamos todas as alternativas para suprir as ausências e vamos entrar com grupo que vai iniciar tanto em função delas pelo desempenho nos treinos. Quero deixar claro que não estou lamentando essas ausências, porque elas fazem parte do futebol, mas também destaco que não teremos desfalques no pensamento do treinador, que é enaltecer quem vai entrar e criar condições para eles”, explica.

Em relação ao meia João Pedro, que foi elogiado por ele no último jogo, aparecer entre os titulares, Hélio dos Anjos despista. “O João Pedro é um bom jogador, sabe fazer as beiradas , por dentro, e em virtude das ausências poderia entrar de início, mas decidirei isso após o treino e na palestra de hoje à noite, já em São Paulo. Mas tenho que registrar que o atheus dos Anjos é bom tecnicamente, tem grande volume e estamos trabalhando para ele ter mais intensidade… Vamos ver o que é melhor pra esse jogo”, diz.

Hélio dos Anjos finaliza falando sobre o fato de a Macaca ainda não ter vencido o Corinthians  em Itaquera, onde os times se enfrentaram oito vezes até o momento. “Não vou ficar dizendo que estamos aqui para quebrar tabu, mas para nós esse é um jogo isolado: poucos atletas aqui têm a ver com esse tabu, o comando não tem. Então estamos livres pra fazer o melhor possível, sem pressão psicológica em função de tabus”, conclui.

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS