Ponte treina na manhã desta quinta (5) e, de volta após o Mundial SUB 17, Leandrinho comemora boa fase do clube e espera vestir a camisa da Macaca contra o Inter

Crédito obrigatório para foto:
PontePress/FábioLeoni

A Ponte Preta ganhou um reforço importante nessa reta final de temporada. O meia Leandrinho, que estava com a Seleção Brasileira SUB 17, está de volta ao grupo. O atleta comemorou o período representando o país, mas agora foca na Macaca, que treina na manhã desta quinta-feira (5) no CT do Jardim Eulina.  “Foi uma experiência muito boa ter disputado o Mundial. Infelizmente não conseguimos alcançar nosso principal objetivo que era o título, mas serviu de aprendizado e agora é seguir aqui na Ponte Preta, que é minha casa no Brasil. Bola para frente. Já vim para treinar e estou à disposição do Felipe. Se ele precisar de mim para ir ao jogo, eu estou preparado”, afirma.

 

Leandrinho, por sinal, não esconde a vontade de entrar em campo de novo com a camisa alvinegra. “Com certeza estou querendo muito jogar. Tenho uma ansiedade muito grande em jogar pelo clube e agora que voltei, quero estar em campo o mais rápido possível”, diz o meia, que ressalta o quanto vem evoluindo com essa experiência na Seleção e no profissional da Ponte.

 

“Cada dia mais eu venho crescendo, aprendendo, tanto aqui na Ponte Preta como na Seleção. Aqui é um excelente grupo, que me passa coisas boas, e isso é importante. Até estão me passando suplemento para ganhar um pouco de massa muscular. Mas é me manter focado no trabalho. Hoje também estou mais tranquilo em relação às entrevistas, até porque na seleção nós temos que dar coletiva de imprensa toda hora também. Estou me acostumando”, explica.

 

Sobre as especulações que davam conta de sua saída da Macaca ainda este ano, Leandrinho é taxativo em afirmar que fica no clube. “Estou tranquilo. Tenho o meu trabalho aqui na Ponte Preta e é aqui que vou seguir até fechar meu ciclo no clube. Fiquei um pouco assustado. Saiu uma notícia que eu nem iria me apresentar aqui na Ponte e nem eu sabia disso. Mas meu compromisso é aqui. Tenho mais um ano de contrato com o clube e é aqui que irei jogar”, reforça o jogador, que mesmo de longe, acompanhou o time.

 

“Sempre fiquei ligado nas notícias da Ponte Preta e nos últimos resultados. Na última vez que fui relacionado, estava mesmo brigando para fugir da zona de rebaixamento. E agora fico feliz de estarmos brigando lá em cima. É manter o foco, ir para Porto Alegre buscar os três pontos, para conseguir chegar no G4 e até uma classificação à Libertadores. Pelo que vem jogando e o que vem apresentando, com certeza merece estar lá em cima”, enaltece o meia, que gostaria de ver a Macaca na Libertadores em 2016.

 

“Seria uma experiência muito grande. Se for da vontade de Deus iremos conseguira classificação e jogar mais essa competição ano que vem. Está todo mundo focado e querendo disputar a Libertadores. Estamos atrás de vitórias, buscando essa classificação”, completa.

 

 

 

 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS