Após bons serviços prestados nas categorias de base, lateral-direito Jeferson consegue em 2014 suas primeiras chances no profissional da Ponte, relembra estreia como titular e projeta vencer ainda mais pelo clube

Mesmo com pouca idade (apenas 18 anos), o lateral-direito Jeferson já passou por vários momentos importantes na curta carreira como jogador de futebol. Além de cinco convocações para a seleção brasileira, desde o SUB 15, o atleta sofreu com contusões mo ano passado, principalmente no ombro. Mas Jeferson superou os obstáculos normais de qualquer profissional, mas conseguiu em 2014 se firmar na equipe principal da Ponte.

 

“O momento mais especial para mim foi na estreia que fiz pela equipe profissional. Ainda mais aqui no Majestoso, no estádio lotado, e ainda conseguimos sair com a vitória”, afirma Jeferson, relembrando a partida diante do Sampaio Correa, no dia 1º de novembro, no Moisés Lucarelli, pela Série B do Brasileiro.

 

O jogo foi tão marcante para o jovem atleta, que até ele se esqueceu que já havia feito uma outra partida com a equipe de cima. Em 2013, no dia 23 de julho, Jeferson entrou no lugar de Rodrigo Biro, no jogo contra o Nacional-AM, em jogo válido pela Copa do Brasil. Na ocasião, o técnico Paulo César Carpegiani resolveu poupar os titulares e deu chance ao garoto.

 

Contudo, Jeferson só  jogou como titular mesmo esse ano – e está confirmado no elenco profissional no ano que vem. Além da partida diante do Sampaio, o jogador foi o titular na última rodada do Brasileiro, contra o Náutico, devido a contusão de Rodinei. E o lateral espera mais. “Meu sonho desde pequeno é jogar na Ponte. Desde a categoria de base eu penso nisso. Quero me manter aqui no clube e construir uma carreira de sucesso”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS