Macaca enfenta Linense e Guto Ferreira quer guerreiros buscando conquistas fora de casa

Crédito obrigatório para reprodução da foto:
PontePress/VictorHafner

Fora de casa, a Ponte Preta entra em campo às 19h30 desta quarta-feira em busca da terceira vitória no Paulistão 2015, contra a equipe do Linense. O técnico Guto Ferreira quer ver a Macaca indo pra cima do adversário e revertendo qualquer possível vantagem do adversário por estar atuando em seus domínios. Para o treinador alvinegro, é preciso se impor contra o adversário para superar os obstáculos.

“O Linense jogando em casa é perigoso, tentará se impor mais, por estar em território conhecido talvez se sinta mais protegido. Defender o território com mais emprenho é da natureza animal, não é nem do ser humano em si, e no futebol é igual. Porém não podemos chegar acuados. Na História da humanidade os grandes guerreiros foram buscar conquistas longe de casa, não dá para respeitar território, tem de ser valente para derrubar fortalezas”, diz Guto.

O treinador reforça que no ano passado a Ponte foi assim, bem como na primeira passagem dele pelo time, e isso tem de se repetir. “Até porque torcedor não entra dentro de campo, então temos que mentalizar que a dificuldade de jogar é a mesma independentemente do lugar. O que muda é o clima, a qualidade de piso, a dimensão, a interferência de vento. A essas mudanças é que precisamos nos adaptar rápido. Futebol é um dos poucos esportes em que a variação é muito grande se você vai de um estádio para o outro, diferentemente da maioria dos esportes coletivos que se dá em locais fechados, com pisos padronizados e tamanhos padronizados.”

Guto conta que ainda não contará nesta partida com alguns atletas, como o meia Adrianinho e os recém-chegados atacantes Wellington e Fágner. “O Adriano está muito próximo de voltar, ele ficou muito tempo fora. No ano passado foi na raça no jogo ontra o Náutico, quando já estava lesionado. Tratou naquele período, nas férias, na pré-temporada, agora fez um jogo -treino e um coletivo. Queremos colocá-lo em novo jogo treino na próxima quinta para que ele se aproxime ainda mais da reestreia. Já quanto a Wellington e Fagner a situação diferente, quando estiverem como quero começarão a ter espaço. No jogo treino de quinta também já devem participar e teremos noção real de como estão”, afirma.

Por falar em treino, na última atividade em Campinas Guto surpreendeu ao usar alguns bonecos fincados no campo, servindo como adversários estáticos para a equipe. “Na Europa se faz isso, aqui não achamos o material e improvisamos, o Lindomar (que comanda a equipe de manutenção do Majestoso) e a equipe dele fez os bonecos com todo carinho e nos ajudou. A gente os usa para o jogador  ter percepção de espaço, dar a ele uma noção em treino que não tem confronto. O cara que vai cruzar, por exemplo, tem que achar onde está espaço vazio e o que vai entrar vai ter referência de onde sai o cruzamento conforme posicionamento”, conta.

Apesar de não revelar o time, Guto dá uma pista de que a repetição dos titulares do último jogo não é garantida. “Repetir seria ideal, mas só daria pra fazer isso sempre se tivesse jogos só no final de semana. Com o calendário que temos repetir é o menos importante, o fundamental é ter certeza de que quem entrar estará à altura do nível de desempenho da equipe. Hoje o técnico que trabalha com 11 atletas está perdido: tem que ter mais de 22, pra serem duas equipes de alto nível e ainda ter substituições em caso de lesão.”

Guto pontua que com jogos em sequência e intervalos muito curtos, sobra pouco tempo pra treinar, descansar e manter o desempenho. “Então você tem que mudar peças para que quem entre em campo acrescente o volume de combustível novo necessário à equipe e o nível de intensidade que o time precisa. Temos que garantir qualidade e intensidade”, afirma.

O jogo desta noite tem transmissão na TV paga pelo Première e, nas rádios, pela FM 99,1 e as AMs 870 e 1170. Quem estiver ligado na Internet tem ainda como opções as webrádios Macacada Reunida e PonteNews. 

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS