Guto Ferreira deixa o comando da Ponte Preta

 

O técnico Guto Ferreira não é mais o treinador da Associação Atlética Ponte Preta. Em reunião com a Diretoria de Futebol no início da tarde desta quinta (6), dirigentes alvinegros e o próprio treinador foi definida a saída dele do cargo. “Agradecemos muito ao Guto pelo trabalho que ele realizou, em especial no Campeonato Paulista, no qual registrou marcas inéditas com a Ponte e conquistou o título do Interior. No entanto, conversamos e chegamos à conclusão que é o momento de mudar o comando, com o objetivo de promover uma oxigenação na equipe”, diz o Executivo de Futebol Ocimar Bolicenho.
 
O técnico dos Juniores da Ponte Preta, Zé Sérgio, comandará o time interinamente na partida contra o Botafogo-RJ, neste sábado no Majestoso.  “Não há no momento um nome definido para ocupar o cargo deixado por Guto. Iremos avaliar com cuidado para tomar uma decisão acertada”, afirma Bolicenho.
 
“Tenho que agradecer à ótima passagem no comando da Ponte e agradeço em especial aos atletas, a todos os profissionais que trabalharam comigo, aos dirigentes e à torcida. Saio satisfeito porque conquistamos nosso primeiro objetivo, de no ano passado manter a equipe na série A, e porque queríamos conquistar um título e conseguimos o Troféu do Interior. Desejo boa sorte a todos aqui da Ponte Preta” , diz Guto.
 
Guto Ferreira dirigiu a Macaca por 41 jogos (sendo que em um deles, contra o Itabaiana, não esteve no banco em virtude suspensão).  Assumiu o time após a saída de Gilson Kleina, no Brasileirão 2012, no qual a equipe se manteve na série A. No Paulistão deste ano registrou com o time a marca inédita de 16 partidas de invencibilidade e, na segunda fase, foi desclassificado nas quartas de final contra o Corinthians. Na sequência, conquistou o Título do Interior contra o Penapolense.
 
Pela Copa do Brasil 2013, sob o comando de Guto, a Macaca eliminou Itabaiana e Bragantino, classificando-se para enfrentar o Nacional-AM na próxima etapa da competição, em julho. Pelo Brasileiro 2013, Guto teve três derrotas (para São Paulo, Corinthians e Atlético Paranaense) e uma vitória (contra o Flamengo).

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS