Após estréia com vitória, Gallo enaltece garra dos atletas e revela mudança no sistema de marcação, que foi importante para primeiro triunfo da Ponte no Paulista

 

Se para a Ponte Preta a conquista da primeira vitória no Campeonato Paulista da Série A1 em 2016 foi importante, para o estreante da noite, o técnico Alexandre Gallo, o resultado também teve sabor especial. Com apenas um dia de treino, Gallo já comandou a equipe no banco de reservas e conseguiu incutir nos atletas uma nova postura, que contribuiu na soma de mais três pontos na competição.

“Primeiro eu tenho que parabenizá-los por terem aceito e executado a proposta, pois desde a minha conversa inicial propusemos uma postura e uma determinação na marcação específica para este jogo. E os atletas cumpriram à risca. Foram cirúrgicos nos momentos importantes. Colocamos duas linhas de quatro, justamente para termos este contra-ataque, pois sabíamos que o Audax é um adversário forte, que troca muitos passes. O mérito da vitória é dos atletas e sem esquecer o Felipe Moreira, que também tem muito mérito nessa vitória", diz.

Ele acrescenta ainda que o papel do torcedor foi fundamental. "Agradeço principalmente à nossa torcida. Eu acho que temos que buscar sempre resgatar esse estilo de jogo da Ponte Preta, de determinação, de garra, de luta e acho que foi muito bom em relação a isso. A torcida compareceu e queremos dar a resposta a eles dentro de campo”, enaltece o treinador, que explica a mudança na estratégia que buscou inserir contra o Audax.

“Nós fizemos uma modificação na marcação. Eu quis implementar essa nova postura, mas ela não aconteceria se os jogadores não comprassem essa idéia, porque já tinha um sistema de jogo. A mudança no sistema de marcação, contra um time que troca muitos passes e valoriza a posse de bola, seria fundamental. Mas sem o trabalho dos atletas isso não aconteceria."

O treinador complementa este pensamento. "Dou o mérito todo a eles pela entrega, pela luta e queremos melhorar a cada jogo, com os pés no chão. Sabemos que iniciamos uma recuperação agora, mas temos um grande jogo no sábado. Então é recuperar os atletas, ter bastante humildade para cada vez mais fazer essa torcida vibrar junto da Ponte, que só é forte se o torcedor estiver junto dela. Queremos  esse congraçamento de novo “, explica.

Alexandre Gallo também enaltece o entendimento tático por partes dos seus jogadores, em especial para a formação das duas linhas de quatro, aliado ao sistema de marcação. Segundo o treinador, isso foi fundamental para que a equipe roubasse as bolas e criasse contra-ataques. Mas mesmo com esse aspecto positivo, o foco agora já é na preparação para o confronto contra o São Paulo no sábado (27).

“Não existe alívio no futebol. Existe só o dia a dia. Saímos do jogo muito contentes pela entrega que existiu, com a cara de Ponte Preta, de um time aguerrido, lutando, marcando forte e saindo para o ataque. O mais importante é curtir a vitória e já iniciar uma recuperação física, para estarmos há 110% no sábado, que é um jogo muito difícil”, afirma Gallo, que busca controlar a ansiedade na melhora do futebol da Ponte, elevando a confiança dos atletas.

“Confiança é uma casa de tijolos que são colocados um a um, passo a passo. Eu acho que colocamos o primeiro tijolo e vamos seguir trabalhando muito para elevar esse nível de confiança. No futebol é muito importante ter isso, alegria e principalmente a determinação do elenco”, diz o comandante, que conta com o apoio do torcedor.

“Foi um atrativo vir para cá porque sabia desse histórico do clube. Quero dar minha contribuição, para fazer essa equipe melhorar e ter a cara que teve nesses anos todos. É uma torcida gigantesca, que cobra e precisamos dela ao nosso lado, também nesse momento de dificuldade”, completa.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS