Para Grolli, equipe pode alcançar objetivos maiores no Brasileiro ; treino é marcado por integração entre atletas da Macaca e representantes do Vôlei Brasil Kirin

Foto: PontePress/RodrigoCeregatti

O 1º turno do Campeonato Brasileiro Série A já terminou e o trabalho agora é para realizar um 2º turno ainda mais forte. Sabedores que a Ponte pode alcançar grandes objetivos, até mesmo como comprovou a boa primeira metade de competição disputada, os atletas buscam se aperfeiçoar ainda mais. É o que enfatiza o zagueiro Douglas Grolli.

“O primeiro turno já acabou e, se pararmos para pensar, passou rápido. Temos que continuar em um ritmo bom, fazer grandes jogos em casa e conseguir uma pontuação razoável para boa, dentro dos nossos objetivos. O primeiro objetivo foi alcançado e temos que melhorar esse desempenho para quem sabe assim conseguir algo a mais na competição”, explica o defensor, que cita a bola parada como algo a ser melhorado.

“Bola parada é algo em que as equipes sofrem muitos gols. Mas sem dúvida é algo que temos que trabalhar, melhorar, porque tomamos muitos gols assim e é um número considerável. Temos que estar mais atentos, porque muitas vezes o jogo se decide dessa forma, em lances isolados e perdemos pontos assim”, pontua o zagueiro.

E Grolli tem se mostrado eficiente nas jogadas ofensivas. Nesta temporada já foram seis gols marcados e ele não quer parar por aí.  “Estou feliz aqui e em um momento muito bom, até mesmo fazendo muitos gols. Espero poder dar continuidade nesse bom momento. Tenho 23 jogos e seis gols. Nunca cheguei nem perto disso. Antes fazia dois gols por campeonato. Agradeço muito os meus companheiros que são importantes demais para que isso aconteça e me ajudam muito”, completa.

Vôlei Brasil Kirin

A Ponte Preta treinou na manhã desta quarta-feira (10) e recebeu a visita de representantes do time de vôlei masculino de Campinas, que assim como a Ponte, também é patrocinado pela empresa Brasil Kirin, através da marca Viva Schin no caso da Ponte Preta. Atletas da Macaca e do Brasil Kirin fizeram uma troca de camisas entre as equipes no CT e mostraram seus novos mantos para a temporada. O time da Brasil Kirin, que foi vice-campeão da última edição da Superliga, volta às quadras nessa quinta-feira (11), contra o Sesi, na semifinal da Copa São Paulo.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS