Após treino na manhã desta segunda (22), Ferrugem diz que sinal de alerta está ligado, mas mantém otimismo em melhora da Ponte no Paulistão

 

Foto: PontePress/GuilhermeDorigatti

 

A equipe da Ponte Preta realizou mais um treinamento na manhã desta segunda-feira (22), já com o foco na partida contra o Osasco Audax, na quarta-feira (24), na casa do adversário. Para o volante Ferrugem, que entrou no lugar de Jonas na última rodada, a situação da Macaca preocupa, mas só depende dela para reverter isso.

 

“O resultado não está vindo, estamos em uma situação complicada e a torcida está no direito de cobrar, até porque eles nos apoiam. Esperamos ganhar já na quarta-feira (24) para sair dessa situação o mais rápido possível. Independente de onde jogarmos, dentro ou fora de casa, temos que vencer. É o que precisamos”, afirma Ferrugem, que recorda outro momento difícil que passou na Ponte e mostra confiança na retomada do bom futebol do time.

 

“Eu passei por momentos difíceis, até mesmo aqui em 2014, no começo do estadual, que não foi bom para nós. Mas demos a volta por cima e conseguimos a classificação naquele ano. Estamos treinando forte, houve uma evolução nesse último jogo e digo que a tempestade não dura muito tempo. Ela vai passar e com cabeça fria, pés no chão, porque o nosso grupo é bom, vamos ganhar e conseguir a classificação. Lógico que o sinal de alerta está ligado, mas não estamos tão distantes do primeiro colocado do nosso grupo. Vamos ganhar e engrenar, se Deus quiser”, acredita o meio-campista.

 

Ferrugem ainda não começo nenhuma partida como titular nesta temporada, mas reforça que vai buscar entre os onze titulares novamente. “Voltar a vestir essa camisa é bom demais. Busco meu espaço novamente aqui, respeitando meus companheiros, mas claro que quero jogar. Quero ser titular, mas cada um tem sua oportunidade, sua chance e estou trabalhando forte esperando a minha. Entrei em dois jogos e acredito que fui bem. Óbvio que sempre queremos mais. O foco é sempre vencer, jogar bem e quando surgir minha oportunidade espero não sair mais da equipe”, afirma o jogador, que também mostra estar satisfeito com o trabalho que é desenvolvido pelo técnico interino, Felipe Moreira.

 

“O Felipe está fazendo um excelente trabalho. É um cara que conhece o grupo. O trabalho dele é muito bom e a equipe está comprando o pensamento dele. Nós estamos juntos, evoluindo e esse é o caminho. Melhoramos e está faltando detalhes. Estamos trabalhando forte em busca de aperfeiçoar esses detalhes, porque temos que ajustar. Isso define vitórias e derrotas”, completa.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS