Ponte treina nesta tarde; Fernando Bob espera jogo difícil diante da Portuguesa e comemora boa fase individual e coletiva

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:
PontePress/Guilherme Dorigatti

 

A equipe da Ponte Preta vai realizar treinamento técnico na tarde dessa terça-feira (14) no Centro de Treinamento do Jardim Eulina. Este será mais um trabalho comandado pelo treinador Guto Ferreira visando ao jogo de sexta-feira (17) contra a Portuguesa por mais uma rodada do Campeonato Brasileiro 2014.

Destaque na última partida da Macaca, Fernando Bob acredita que é importante continuar somando pontos no Majestoso e fora de casa, e espera um jogo duro diante da equipe paulista. “Precisamos sempre buscar a vitória, seja dentro ou fora de casa. Temos que somar o máximo de pontos para conquistarmos o acesso e o título de campeão. Estamos em uma sequência boa de vitórias e empates, que também são importantes. Esperamos um jogo muito difícil porque a Portuguesa está querendo sair lá de baixo. Eles vão dar o máximo deles e nós também. Esperamos um bom jogo e conseguir sair com a vitória.”

Para o volante, é preciso entrar mais ligado do que nunca em campo, uma vez que a Ponte é o time a ser batido na competição nacional. “Estamos em primeiro e agora nosso time é bem mais visado do que antes, todos querem vir e tirar um ponto da Ponte, sempre jogando bem fechados. Temos que entrar mais focados e buscar um pouco mais o jogo. Daqui para frente todos os times estão brigando por algo, seja o acesso ou para não cair, e precisamos estar atentos”, diz Fernando Bob.

Titular absoluto do meio campo alvinegro, Fernando Bob considera estar vivendo um dos melhores momentos da carreira, principalmente após se recuperar da grave lesão que sofreu no tornozelo. “Estou ajudando a Ponte e treinando bastante. Desde que voltei da lesão me esforço mais, até para agradecer a Ponte por tudo o que fizeram por mim enquanto estive afastado, todo o carinho que me deixou muito feliz. O objetivo é voltar a Ponte para a primeira divisão que é onde ela merece”, afirma o jogador, que ainda comenta sobre o lance que gerou o empate diante do Santa Cruz.

“Nós treinamos muitas jogadas de bola parada e Graças a Deus deu tudo certo na hora em que eu bati na bola e saiu o gol. Tem muita gente que bate bem na bola na equipe como o Adrianinho, Cajá e Thomas. Vou continuar com o meu papel que é ajudar na marcação, tentar organizar o time ali atrás e dando passes”, finaliza Fernando Bob.

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS