Ponte se reapresenta nesta segunda; Doriva elogia espírito dos atletas diante da Chapecoense e já começa a pensar na próxima partida diante do Vasco

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:
PontePress/FábioLeoni

 

A equipe da Ponte Preta retornou para Campinas no início da noite de domingo e já se reapresenta para realizar treinamento técnico na manhã dessa segunda-feira (07) no Centro de Treinamento do Jardim Eulina. Com um ponto a mais na bagagem após empatar em 0 a 0 com a Chapecoense na última rodada do Brasileirão, o treinador Doriva elogia o espírito dos atletas alvinegros em Chapecó.

“O primeiro tempo foi bem difícil e sofremos um pouco. Depois conseguimos corrigir algumas situações que estavam dando a possibilidade da Chapecoense ter um volume de jogo muito grande em nosso campo e melhoramos. No intervalo deixamos tudo certinho e fizemos um bom segundo tempo, em que poderíamos ter um resultado melhor. Não lamentamos o resultado e comemoramos esse empate que foi importante pelo espírito que demonstramos dentro de campo e soubemos jogar o jogo sabendo o que teríamos pela frente e com os desfalques do Fernando Bob, Biro Biro e Borges que fazem falta a qualquer equipe”, diz Doriva.

O comandante alvinegro também comenta sobre como o elenco conseguiu superar a decepção sofrida diante do Cruzeiro para voltar a focar na competição. “Perder a partida que nós perdemos para o Cruzeiro da maneira que foi. Sabemos que o empate no Campeonato Brasileiro é normal, mas saímos atrás, fomos buscar o resultado, tivemos um gol anulado e um pênalti não marcado, acabando perdendo no último minuto. Isso foi dolorido, mas soubemos trabalhar nos dias que tivemos e ficamos felizes pelo empenho dos atletas”, afirma Doriva, que já começa a pensar na próxima partida diante do Vasco.

“Sabemos que o adversário esta passando por um momento difícil, mas nenhum jogo no Campeonato Brasileiro é ganho na véspera. Nós temos a consciência da importância de conquistar essa vitória, mas tenho certeza que não será fácil. Precisamos ter inteligência para jogar contra o Vasco porque eles estão desesperados e precisamos aproveitar isso.”

Notícias Recentes

REDES SOCIAIS