Após empate com o líder, Ponte folga nesta segunda e terça e Doriva destaca importância de manter o foco nos objetivos

 

Crédito obrigatório para reprodução da imagem:

PontePress/FábioLeoni

 

A Ponte Preta conquistou um importante resultado na tarde desse domingo (04) ao empatar em 2 a 2 com o Corinthians, líder do Campeonato Brasileiro, no estádio Moisés Lucarelli. Agora, o elenco terá a segunda e a terça-feira de folga, retornando aos trabalhos na quarta-feira (07), uma vez que a próxima partida será contra o Palmeiras apenas no dia 14 de outubro.

“Vai ser importante para darmos uma recuperada nos atletas e termos tempo para trabalhar é sempre muito bom. Não podemos é perder o foco nesse tempo. Vamos deixar os atletas sempre ligados para manter esse nível de apresentação que estamos tendo. Sabemos que nossa sequência é difícil, mas tenho certeza que com esse nível de comprometimento temos condições de conseguir vitórias e esse é objetivo”, explica Doriva.

Apesar de estar ganhando do Corinthians e sofrer o empate no final do jogo, esse um ponto a mais tem que ser comemorado. “Apesar de haver uma sensação ruim por ter levado o gol no minuto 39 e ter podido sair com a vitória, se você analisar as dificuldades de jogar contra o Corinthians, que não líder do campeonato à toa, foi um ponto importante para a nossa sequência sem derrotas ser mantida”, comenta Doriva, que também analisa a partida em que cada time dominou um dos tempos.

“A gente sabia das dificuldades que iriamos encontrar pela frente pela qualidade e o volume de jogo que o Corinthians vem apresentando. Mesmo jogando fora de casa eles conseguem envolver os adversários e sofremos um pouco no primeiro tempo, demorando para girar a bola que é algo que sempre fazemos. Já no segundo tempo, a equipe entrou mais acesa, adiantou a marcação e conseguiu ter um volume maior de jogo. Fizemos os gols e viramos o placar, mas infelizmente no final, em uma bola que é forte do Corinthians, demos um vacilo e acabamos sofrendo um empate.”

O comandante alvinegro também fala sobre a busca da Macaca aos seus objetivos, que no momento, ainda é a garantia da permanência na Série A. “Temos perseguido uma meta de 46 pontos que é a nossa zona de segurança e temos buscado isso. Tivemos uma arrancada brilhante nos últimos cinco jogos e esse empate coloca um pouco mais de fogo no campeonato na parte de cima, mas sempre buscamos os nossos resultados. Temos que ter os pés no chão porque o Campeonato Brasileiro é muito difícil, com muitas oscilações, e temos que manter o foco para continuar jogando no nível em que estamos para atingir os objetivos o mais rápido possível”, afirma Doriva.

Notícias Recentes

NOTA DE ESCLARECIMENTO: IVAN

A Ponte Preta informa que, diferentemente do que foi divulgado pelo site Futebol Interior, a Ponte Preta possuí 100% dos direitos econômicos do goleiro Ivan e nem poderia ser diferente, uma vez que a FIFA não permite a transmissão

Leia mais »

REDES SOCIAIS